Dilma assinou lei de periculosidade para Motoboys que dá 30% de adicional

E a Dilma assinou! Após o senado aprovar no mês de maio uma lei que visa garantir adicional de periculosidade em 30% do salário para quem trabalha com motocicletas a presidente Dilma Rouseff sanciona a lei neste mês de junho. O projeto de lei havia tramitado por mais de dois anos no Congresso e agora foi definitivamente sancionado e posto em vigor.
Utilizando um capacete e colete refletivo a presidente disse que “Hoje, com a sanção da lei, estamos mudando a CLT, para garantir a todos os motoboys, mototaxistas, motofrentistas o direito ao adicional de periculosidade e que significa o adicional de 30% sobre seus salários. Nada mais justo, nada mais necessário”.

Dilma assinou lei de periculosidade para Motoboys

E a Dilma assinou! Após o senado aprovar no mês de maio uma lei que visa garantir adicional de periculosidade em 30% do salário para quem trabalha com motocicletas a presidente Dilma Rouseff sanciona a lei neste mês de junho. O projeto de lei havia tramitado por mais de dois anos no Congresso e agora foi definitivamente sancionado e posto em vigor.

Advertisement

Utilizando um capacete e colete refletivo a presidente disse que “Hoje, com a sanção da lei, estamos mudando a CLT, para garantir a todos os motoboys, mototaxistas, motofrentistas o direito ao adicional de periculosidade e que significa o adicional de 30% sobre seus salários. Nada mais justo, nada mais necessário”.

Dilma assinou lei de periculosidade para Motoboys

Assinalando positivamente para a lei, a presidente Dilma Rouseff lembra que as profissões que estão sendo abrangidas são extremamente comuns e essenciais em grandes centros do país. Um exemplo comum utilizado pela presidente foi o caso do profissional que faz entregas de remédios na madrugada.

Veja também:

>>> Nova Honda CB 300F está confirmada!

>>> Já ouviu falar na Yamaha FZ-S 150?

>>> Senado aprova adicional de periculosidade para motoboys

  • Entre no grupo do Motorede no Telegram, saiba tudo em primeira mão e interaja diretamente: t.me/Motorede

O criador do projeto, senador Marcelo Crivella, acredita que com esse adicional de 30% os profissionais do ramo iriam investir mais em equipamentos para garantir sua segurança. Segundo Crivella, a lei da garantia ao profissional para “a possibilidade dele poder comprar uma bota de couro, um casaco de couro, não andar com pneu careca, ter as lanternas da motocicleta sinalizando corretamente, condições de se aperfeiçoar”.

De acordo com o SINDIMOTO-SP (Sindicato dos Mensageiros, Motociclistas, Ciclistas e Mototaxistas de São Paulo), esta categoria tem cerca de dois milhões de trabalhadores atuando por todo o país.

Dilma assinou lei de periculosidade para Motoboys Dilma assinou lei de periculosidade para Motoboys

Advertisement

Se inscrever
Notificar de
guest
8 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
somatodrol
3 anos atrás

Qualse que eu comprava. Ainda bem que olhei esse artigo. sergio m tirapani diz. É realmente um erro gastar dinheiro nesse produto. Obrigado. Mauro Soares diz. Alguém aqui que já tenha tomado? Muita gente criticando baseado na experiência de outros. Faça você mesmo o teste e ai estará qualificado para opinar… Bom… Comprei duas caixas que dá para um mês, acho que se ele for realmente bom, um mes é o suficiente para ver algum resultado… O meu chega hoje… Vou tirar uma foto antes e depois… Daqui a um mês posto minha opinião… Até lá… Força, pode postar o… Ler mais »

flavio lima
flavio lima
7 anos atrás

eu trabalho de motoboy e ainda não recebir esse almento, a contabilidade fala que não ta valeno a inda, e verdade ou não.

Lionel Seku Mello
Lionel Seku Mello
7 anos atrás
Responder a  flavio lima

Olá @disqus_jrNRc8RKGH:disqus a Lei Nº 12.997 já está em vigor desde o dia 18 de junho, quando a presidente assinou. Segue o link oficial do Governo que mostra os detalhes de que a Lei está em vigor: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2011-2014/2014/Lei/L12997.htm

jorge
jorge
7 anos atrás

Por gentileza, a partir de quando os empresários deverão acrescentar estes 30% de periculosidade no salario do motoboy?
A lei é auto-aplicada? precisa de alguma regulamentação?
Grato.

Lionel Seku Mello
Lionel Seku Mello
7 anos atrás
Responder a  jorge

Jorge, já está valendo desde o último dia 20 de junho, quando a Lei nº 12.997 foi publicada no Diário Oficial da União (DOU). Com isso os empresários já devem estar pagando o adicional.

André Vargas
André Vargas
7 anos atrás

Engraçado… o dinheiro não sai do bolso dela, sai dos empresários ou do povo que precisa do serviço… Se é para a segurança, então ao emplacar a moto, que seja feita uma vistoria obrigatória de todos os itens de segurança das motos e motoqueiros. Como é bom fazer cortesia com o CHAPÉU ALHEIO…

Eder Fabrício dos Reis
Eder Fabrício dos Reis
7 anos atrás

Vale tudo para reeleger essa mulher… Se for reeleita, mais quatro anos de retrocesso para esse “país”…. Mas fazer o que se a massa adora essa cambada, mesmo com escândalos jogados na cara da população diariamente? Para quem gosta de MERDA, Dilma e PT realmente um prato cheio!

Frederico feroli
Frederico feroli
7 anos atrás

Viva essa merda de cúiverno dos infernos , eles só fazem merda andam que nem loucos pela rua e ainda vão ganhar 30% a mais por isso …Isso é Bra$il $il $il …