10 FATOS NOVA SUZUKI GSX-S1000 2022

Veja 10 fatos sobre a nova Suzuki GSX-S1000 2022 que acabou de ser lançada. Inclusive seu preço e se o modelo virá para o Brasil.

nova-gsx-s1000-2022-02

Após divulgar apenas alguns detalhes, finalmente Suzuki revela tudo sobre a novíssima GSX-S1000 2022.

Advertisement

Modelo seguiu a tendência que vem tomando força nos últimos lançamentos desse segmento no mercado e passou por uma boa atualização visual, ficando com aparência agressiva e futurista, além de ganhar avanços no pacote tecnológico.

A mudança foi tão radical na tradicional moto da Suzuki que a nova GSX-S1000 passou a trazer até pequenas asas em sua carenagem. A seguir veremos 10 fatos que vão desde os ajustes no motor, passam pelo já comentado design e chegam até no seu preço e possível chegada ao Brasil.

nova-gsx-s1000-2022-01

10 Fatos nova Suzuki GSX-S1000 2022

  1. Design
  2. Ajustes no motor
  3. Aceleração melhorada
  4. Assento redesenhado
  5. Guidão mais reto e largo
  6. Painel de instrumentos
  7. Acelerador eletrônico (ride-by-wire)
  8. Nova Eletrônica
  9. Preço
  10. Data de chegada
  11. Principais Concorrentes (BMW S1000R e CB 1000R)

nova-gsx-s1000-2022-02

Fato 1) Suzuki GSX-S1000 2022 Design

E no fato 1, não é possível falar da nova geração da GSX-S1000 sem começar pelo seu design.

Muito mais moderno que a versão anterior, a GSX-S1000 2022 passa a trazer em seu visual carenagens extremamente anguladas e pontiagudas. O ponto mais chamativo, com certeza, é no novo conjunto ótico frontal que traz faróis de LED empilhados.

Mas não é só isso, o tanque de combustível possui novo desenho, um pouco mais geométrico e que passa de 17 para 19 litros, e as carenagens avançadas que protegem o radiador passam a trazer até as apelidadas “winglets”, ou, pequenas asas, que servem para auxiliar na aerodinâmica durante a pilotagem.

Fechando o estilo visual da nova geração da icônica moto está a sua traseira mais estreita, que reforça o porte volumoso e musculoso da região frontal da moto.

nova-gsx-s1000-2022-03

Fato 2) Nova GSX-S1000 2022 Motor

Já no fato 2 nós vamos direto ao coração da máquina, seu motor, que apesar de ser o mesmo passou por ajustes e ficou levemente mais potente.

O propulsor segue sendo o quatro cilindros em linha com 999 cilindradas, 16 válvulas e injeção eletrônica, porém, para se adequar as normas de emissões de poluentes EURO5 passou por mudanças nas peças internas.

Com essa nova configuração ele passa a entregar 152 cavalos de potência máxima aos 11 mil giros do motor. Antes eram 150 cavalos a 10.000 rpm. Já seu torque foi levemente reduzido, passando de 11 kgfm aos 9.500 giros para os 10,8 kgfm entregues mais cedo, aos 9.250 rpm.

Esses números também foram alcançados graças as mudanças na entrada de ar e na saída de gases com novo escapamento.

nova-gsx-s1000-2022-04

Fato 3) Aceleração da GSX-S1000 2022

Claro que essas mudanças também afetariam o desempenho geral da moto. E esse é o tema do terceiro fato da lista.

A Suzuki informa que a nova geração da GSX-S1000 melhorou sua aceleração em relação a versão anterior. Mesmo que de pequena forma. Agora o modelo percorre a distância de 200 metros em 6,64 segundos, contra os 6,7 segundos da geração anterior.

Já os 400 metros são percorridos em pouco mais de 10 segundos, melhorando o tempo em relação ao modelo antigo.

nova-gsx-s1000-2022-05

Fato 4) Novo Assento GSX-S1000 2022

No fato 4, vemos que a Suzuki andou pensando no piloto e garupa e fez ajustes em seu assento.

A nova GSX-S1000 2022 não ganhou apenas mudanças visuais e na sua parte técnica. O modelo também foi repensando no uso cotidiano e agora passa a trazer uma cama de espuma um pouco mais grossa tanto para piloto quanto para garupa.

Se comparar com o modelo anterior, o desenho é praticamente o mesmo, mas podemos observar que sua base está um pouco mais “recheada” de espuma. A altura do solo desse assento fica em 810 mm.

nova-gsx-s1000-2022-06

Fato 5) Nova GSX-S1000 tem guidão mais largo

E no fato 5 vemos mais uma alteração que afeta a ergonomia do piloto. A nova GSX-S1000 passa a trazer novo guidão que também foi reposicionado.

Com a ideia de fazer com que o piloto sinta ainda mais prazer em continuar acelerando sua máquina pelas estradas a Suzuki deixou o guidão da sua moto mais retilíneo, mais largo e mais próximo do piloto.

Na comparação com a geração anterior, são 23 mm a mais na largura e 20 mm mais próximo do condutor. Isso, aliado a mudança no assento, garantem uma nova posição de pilotagem para a GSX-S1000.

nova-gsx-s1000-2022-07

Fato 6) GSX-S1000 2022 Painel de Instrumentos

No fato 6 trago uma alteração que é boa, mas poderia ser melhor: o novo painel de instrumentos.

Sai o antigo painel em LCD para ser substituído por um novo painel de instrumentos, também em LCD. Herdado da atual GSX-R1000, ou seja, da versão carenada, a nova GSX-S1000 traz uma evolução no seu painel, mas que fica atrás das principais concorrentes recém-lançadas no mercado.

Apesar de bonito e até interessante, ainda não se trata de um display de TFT colorido com conectividade Bluetooth, por exemplo.

nova-gsx-s1000-2022-08

Fato 7) GSX-S1000 2022 Acelerador Eletrônico

Já no fato 7 entramos na evolução tecnológica da nova GSX-S1000 e a primeira atualização está na adoção do acelerador eletrônico.

A partir dessa nova geração o modelo traz acelerador com sistema Ride-By-Wire. O que isso quer dizer? Significa que é o fim do acelerador acionado mecanicamente via cabo e a chegada do sistema que usa um sensor na manopla que identifica a posição do acelerador e envia a informação para a central eletrônica.

Com essa informação o sistema ajusta a posição da borboleta, abrindo e fechando quando necessário, distribuindo a aceleração eletronicamente e de forma mais eficiente e rápida.

nova-gsx-s1000-2022-09

Fato 8) Novo pacote eletrônico

E no fato 8, graças ao novo acelerador eletrônico, o modelo passa a trazer um pacote eletrônico mais avançado com o chamado Suzuki Intelligent Ride System.

Esse sistema trouxe para a GSX-S1000 um seletor com três modos de pilotagem, todos com o mesmo pico de potência máxima, mas com a forma de entrega diferenciada entre eles, um sistema de controle de tração com cinco modos, inclusive podendo ser desligado, sistema de partida rápida e até o sistema de assistência de baixa rotação do motor, evitando que o motor se apague quando estiver rodando com a moto em velocidades baixíssimas, como no trânsito trancado, por exemplo.

Para completar, a novidade ainda traz um Quick-Shifter que permite a troca de marchas sem uso da embreagem tanto para subir, quanto para descer marcha, incluindo um sistema que ajusta aceleração para as reduções.

nova-gsx-s1000-2022-10

Fato 9) Nova Suzuki GSX-S1000 2022 Preço

No fato 9 vamos falar de quanto vai custar todas essas mudanças para nova GSX-S1000 2022.

Chegando em três opções de cores, azul e prata, toda preta e preta e cinza, e apesar da evolução no design e tecnologia, a nova GSX-S1000 teve um aumento de preço de apenas 300 Libras em comparação a sua geração anterior na Europa.

A GSX-S1000 2022 tem preço sugerido de £ 10.999, algo em torno de R$ 82 mil (R$ 82.181,38) em conversão direta no momento da publicação dessa matéria.

nova-gsx-s1000-2022-11

Fato 10) Suzuki GSX-S1000 Data de Chegada

E no fato 10: Qual é a data de chegada da nova GSX-S1000 no mercado internacional e também no Brasil?

A nova geração do modelo chegará no mercado europeu na primeira quinzena de junho, ou seja, muito em breve.

Já no Brasil podemos esperar que a nova geração da GSX-S1000 chegue em breve, pois a J. Toledo, empresa responsável pela Suzuki no país, está demonstrando uma boa movimentação de mercado nos últimos meses e já se adiantou, colocando um banner da nova GSX no site oficial brasileiro.

Existe uma boa probabilidade da GSX-S1000 2022 ser um dos destaques da marca em seu stand no Salão Duas Rodas desse ano, que está previsto para acontecer em novembro.

nova-gsx-s1000-2022-12

Fato 11) GSX-S1000 Concorrentes

E no nosso fato extra, será que a nova geração GSX-S1000 está páreo para suas concorrentes?

Parece que o mercado das nakeds de 1000cc teve uma revolução nos últimos meses, principalmente no quesito design, focando ainda mais em uma parte específica: o conjunto ótico frontal.

Nova BMW S 1000R mudou drasticamente seu estilo ao tirar de linha o famoso farol assimétrico para a chegada dos LEDs empilhados. A CB 1000R, que já era um modelo considerado reformulado recentemente, também foi outra que apresentou atualização no farol nos últimos meses, além de também trazer novas tecnologias.

Será que a nova geração da GSX-S1000 será páreo para elas? Bom, no quesito preço sim, pois a moto da Suzuki chega a custar 1.000 libras a menos que a moto da BMW e 2.000 libras a menos que o modelo de 1000cc da Honda.

  • GSX-S1000 2022: 10.999 Libras
  • BMW S1000R 2021: 12.055 Libras
  • CB 1000 R NSC 2021: 12.999 Libras

[]

Advertisement



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *