Bruno Crivilin vence o Brasileiro de Enduro 2021

Bruno Crivilin agora é tetracampeão do Campeonato Brasileiro de Enduro 2021. O capixaba faturou ainda a classe E1 junto do colega na equipe Honda Racing, Vinicius Calafati, que levou a melhor na E2.

Advertisement

Os dois ainda garantiram uma dobradinha na geral do campeonato, com Crivilin como campeão e Calafati como vice. O resultado veio após a última etapa realizada na segunda-feira, em Mairiporã (SP).

A rodada final contou com dois dias de provas e um percurso de 55 quilômetros, que tinham três especiais de trechos cronometrados. Foram divididos os desafios em: Enduro Test, Extreme Teste e Cross Teste.

Bruno Crivilin 6º no Mundial de Enduro 

Crivilin teve na jornada de 2021 a participação no Campeonato Mundial de Enduro, no qual ele ficou o sexto lugar na categoria E1. Foi a melhor posição ocupada por um brasileiro na competição. Mas ele finalizou o ano com mais títulos nacionais. Todo o trabalho foi realizado a bordo da motocicleta CRF 250RX.

“Estou muito feliz em manter o número um para a equipe Honda. Foi um ano bem intenso, já que competi tanto aqui no Brasil quanto no Mundial. É muito bom ter minha família, amigos e muita gente que eu conheço aqui perto nessa última etapa. Agora é pensar na próxima temporada”, diz Crivilin.

 

Top 3 Campeonato Brasileiro de Enduro 2021

Geral

1º – Bruno Crivilin – 300 pontos

  • Entre no grupo do Motorede no Telegram, saiba tudo em primeira mão e interaja diretamente: t.me/Motorede

2º – Vinicius Calafati – 255 pontos

3º – Rômulo Bottrel – 229 pontos

E1

1º – Bruno Crivilin – 300 pontos

2º – Fernando Juruna – 256 pontos

3º – Luciano Paiva – 230 pontos

E2

1º – Vinicius Calafati – 297 pontos

2º – Rômulo Bottrel – 279 pontos

3º – Stevan Pedot – 146 pontos

E3

1º – Vitor Borges Garcia – 281 pontos

2º – Nicolás Rodriguez – 272 pontos

3º – Lucas Dunka – 100 pontos

EJ

1º – Patrik Capila – 290 pontos

2º – Luciano Drumond Rocha – 260 pontos

3º – Felipe Cantu – 239 pontos

E4

1º – Alexandre Valadares – 283 pontos

2º – Flávio Volpi – 281 pontos

3º – Felipe Legarrea – 272 pontos

E35

1º – Gustavo Pellin – 300 pontos

2º – Felipe Wermuth – 267 pontos

3º – Phabulo Calheiros – 212 pontos

E40

1º – Adriano de Ávila – 289 pontos

2º – Rodrigo da Silva – 267 pontos

3º – Luciano de Menezes – 216 pontos

E45

1º – Márcio Tazinazzo – 240 pontos

2º – Fernando Spindler – 190 pontos

3º – Jober Zambialdi – 184 pontos

E50

1º – Laurindo Zatorski Filho – 247 pontos

2º – Júlio César Pereira – 201 pontos

3º – Levi Tesch – 161 pontos

E55

1º – Manoel Simas – 250 pontos

2º – Fabio Filipponi – 52 pontos

3º – Cícero Kuntz – 50 pontos

EF

1º – Larissa Lelis – 100 pontos

2º – Bárbara Neves – 100 pontos

3º – Patrícia Campos – 44 pontos

EAmador Nacional

1º – Jonas Sawan – 252 pontos

2º – Leandro Dias – 222 pontos

3º – Paulo Augusto Telles – 165 pontos

EAmador Importada

1º – Maurício de Quadros – 300 pontos

2º – Leonardo Kauffmann – 246 pontos

3º – Claudiney Couto – 243 pontos

Youth

1º – Jean Zandonadi – 250 pontos

2º – Vinícius Aguilar – 204 pontos

3º – Bruno Massa – 158 pontos

Infantil

1º – Pedro Henrique Spindler – 150 pontos

2º – Pedro Henrique Silva – 144 pontos

3º – João Pedro Grulli – 120 pontos

Cadete

1º – Estevão Rangel – 100 pontos

2º – Davi Freitas – 40 pontos

3º – Theo Cravo – 44 pontos

Juvenil

1º – Danilo Sfalsim – 150 pontos

2º – Pedro Ferro – 132 pontos

3º – Gabriel Konz – 122 pontos

Feminina – Kids

1º – Gabriela Azevedo – 153 pontos

2º – Kamile Martins – 141 pontos

Advertisement

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários