Nova Africa Twin 1100 no Brasil Preço e versões

Nova Africa Twin 1100 é lançada no Brasil e passa a trazer até câmbio automatizado. Veja preço, versões e tudo que muda para a nova Africa Twin no Brasil.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-01

Honda acaba de lançar oficialmente a nova Africa Twin 1100 para o mercado nacional divulgando também preço e versões.

Advertisement

O modelo chega totalmente renovado e traz novo design, que está “menor e mais magro”, menor peso, mais tecnologia embarcada, motor maior, mais potência, novo painel de instrumentos e até câmbio de dupla embreagem automatizado.

Para o Brasil ao todo serão 4 versões, das quais vamos falar aqui o que muda entre elas.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-01

Africa Twin 1100 Versões no Brasil

Bom, já vamos começar separando cada versão logo de início e a principal novidade aqui é que agora teremos Africa Twin com o famoso câmbio de dupla embreagem no Brasil. Aliás, essa é a grande diferença entre as versões.

Então, temos em nosso mercado 2 modelos baseados no câmbio manual, a Africa Twin 1100  de entrada (preto fosco ou vermelho), inclusive o modelo mais barato, e a Africa Twin Adventure Sports ES (Branca), versão com tanque de combustível 6 litros maior.

E teremos esses dois modelos equipados com o câmbio de dupla embreagem DCT, que são a Africa Twin 1100 DCT (vermelho), ou seja, a versão de entrada equipada com câmbio automatizado, e a Africa Twin 1100 Adventure Sports ES DCT (branca), a versão mais “parruda” também com câmbio automatizado.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-02c

Africa Twin 1100 Preço e Versões

E, claro que haverá uma boa diferença no valor de cada versão, então já vamos definir o preço de cada uma delas antes de falar das generalidades em comum de tudo que mudou em relação a versão anterior.

Separada em quatro versões, começando da mais barata até a mais cara, temos os seguintes preços para a nova Africa Twin 1100 no Brasil:

  • Africa Twin 1100 (preto fosco ou vermelho): R$ 70.490,00
  • Africa Twin 1100 DCT (vermelho): R$ 76.804,00
  • Africa Twin 1100 Adventure Sports ES (branca): R$ 90.490.00
  • Africa Twin 1100 Adventure Sports ES DCT (branca): R$ 96.626,00

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-03

Percebemos que cada versão DCT tem aumento na casa de R$ 6 mil em relação a versão com câmbio manual. Será que o DCT vale isso tudo?

Bom, nós já rodamos com duas versões de Africa Twin, uma com câmbio manual e outra com câmbio DCT, e contamos tudo em um vídeo publicado em nosso canal, assista abaixo:

Africa Twin 1100 ficou mais potente?

Mas voltando a falar da nova Africa Twin 1100, agora que já separamos elas por versões, é hora de trazer o que mudou de forma geral em todos os modelos e o primeiro ponto é o coração da máquina, que ficou maior e mais potente.

As mudanças no motor, que valem para todas as versões, deixaram a nova Africa Twin 2021 cerca de 12% mais potente e com 10% mais torque.

A arquitetura do motor continua a mesma, ou seja, é um bicilindrico paralelo de 8 válvulas, porém, teve sua capacidade aumentada passando das 998 cc para as 1084 cc.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-04

Tal mudança resultou na evolução dos 88,9 para os 99,3 cavalos de potência máxima (a 7.500 rpm). Com a alteração o torque também ficou 1 kgf.m maior, passando dos 9,5 para os 10,5 kgf.m (a 6.000 rpm).

A Honda informa que apesar do aumento na capacidade esse novo motor ficou 2,5 kg mais leve que o da versão anterior no câmbio manual e 2,2 quilos menor no motor com câmbio DCT.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-05

Africa Twin 1100 Top Speed e Consumo

Uma boa evolução no motor, não é? E quanto ao Top Speed e o consumo de combustível desse novo motor? Bom, vamos lá!

Durante a apresentação oficial do modelo de 1084 cilindradas a Honda nos informou que o Top Speed da nova Africa Twin 1100 foi de quase 200 km/h. Para ser mais exato, foram registrados 197 km/h.

Já o seu consumo de combustível foi registrado e atestado pelo Instituto Mauá na casa dos 20,3 km/l em condições de uso urbano.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-06

Novo pacote tecnológico para Africa Twin 1100

A nova Africa Twin 1100, mesmo tentando não fugir muito do seu apelo raiz que sempre foi referência no mercado, recebeu um novo e bom pacote tecnológico.

Todas as versões receberam o sistema de acelerador eletrônico, ou seja, acelerador sem cabo de aço que funciona através de sensores, mais modos de pilotagem, que agora são 6 ao total, incluindo 2 modos personalizáveis, e mais opções de controle de tração.

A instalação de uma sofisticada IMU, unidade de controle inercial, de 6 eixos foi responsável pelo salto tecnológico da nova Africa Twin 1100 que chega ao Brasil.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-07

Esse sistema é capaz de medir a atitude da moto em tempo real e com isso gerencia a tração da roda traseira através do acelerador eletrônico e do controle de tração, além de aferir e controlar a aderência em frenagem da roda dianteira através do novo sistema Cornering ABS.

Para completar, o sistema ainda limita o levantamento da traseira em frenagem e também possui auxílio anti-empinadas.

Ainda na parte tecnológica, todos os modelos estão equipados com Cruise Control, sistema que permite ajustar a velocidade de cruzeiro.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-08

Já os piscas têm uma função interessante: eles possuem cancelamento automático após acionamento que funciona através de um sistema de comparação das diferenças de velocidade entre a roda dianteira e a roda traseira.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-09

Africa Twin 1100 traz novo painel TFT ao Brasil

E finalmente a Honda aderiu ao painel TFT colorido e com conectividade.

No caso da Africa Twin 1100 que chegou ao Brasil, todas as versões estão equipadas com o novíssimo painel de instrumentos com tela de TFT sensível ao toque de seis polegadas e meia. Vale ressaltar aqui que o painel aceita toques até mesmo usando luvas de pilotagem.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-10

A tela pode ser personalizada para mostrar diferentes níveis de informações e o novo painel ainda possui conectividade com Apple CarPlay e Android Auto, o que permite usar aplicativos que facilitem a navegação, além da possibilidade fazer ou receber ligações.

Para completar, no lado direito do painel ainda existe uma porta USB que possibilita recarregar um aparelho smartphone.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-11

Africa Twin 1100 novo farol

Que o design do modelo também foi atualizado todos percebemos, mas uma boa mudança que merece destaque está no conjunto ótico da nova Africa Twin.

O novo farol duplo de LEDs está em uma posição mais elevada e traz feixe de luz mais eficiente. O conjunto de luzes diurnas, na sigla DRL, é capaz de ajustar a intensidade de iluminação de modo automático, de acordo com a incidência de luz externa.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-12

Outra coisa muito interessante é que nas versões topo de linha o conjunto ótico frontal ganha mais dois pequenos faróis em LED logo abaixo dos faróis tradicionais.

Essa dupla serve para auxiliar a iluminação em curvas, emitindo mais ou menos luz de acordo com a inclinação da moto, e consequentemente iluminando parte da curva que ficaria escurecida.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-13

Africa Twin 1100 no Brasil Especificações

Na parte técnica a nova Africa Twin 1100 que chegou ao Brasil traz novo quadro, teve suas suspensões revistas, ganhando até suspensão eletrônica da Showa em uma das versões, mas acabou pecando por ainda trazer pneus com câmara nas versões de entrada.

A Africa Twin 1100 2021 está equipada com um chassi de aço inédito que ficou quase 2 kg mais leve que o da versão anterior e ainda está mais rígido na região da coluna de direção. Já o sub-chassi, responsável por sustentar o banco, agora é feito em alumínio.

As suspensões ficam por conta da conceituada marca Showa, são invertidas e com 230 mm de curso na dianteira e passaram por revisão interna para melhorar seu uso na estrada e no off-road. Na traseira o curso é 220 mm e conta com reservatório externo.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-14

Para as CRF 1100L Africa Twin Adventure Sports as suspensões são de controle eletrônico Showa, o que representa um alto nível de tecnologia.

Os freios são duplos na dianteira, com disco de 310 mm, e simples na traseira com disco de 256 mm e possuem sistema ABS que faz leitura em tempo real do ângulo da inclinação, da desaceleração e das diferentes taxas de deslizamento de roda dianteira e traseira através da IMU, determinando a exata pressão de frenagem. O ABS da roda traseira pode ser desativado.

Com rodas raiadas, a dianteira tem 21 polegadas e a traseira 19, os pneus Tubeless, os famosos pneus sem câmara, só estão disponíveis nas versões topo de linha Adventure Sports.

Africa-Twin-1100-Brasil-preco-15

Nova Africa Twin 1100 Data de chegada

Você sabia que a nova Africa Twin com câmbio DCT será apenas importada? Isso mesmo, a tecnologia DCT só pode ser fabricada no Japão e por isso os dois modelos com câmbio automatizado virão de lá e demorarão um pouco mais para chegar.

A data de chegada das novas Africa Twin 1100 no Brasil fica dividida assim:

  • Africa Twin 1100 e Africa Twin 1100 Adventure Sports ES chegam ao Brasil em Julho;
  • E africa Twin 1100 DCT e Africa Twin 1100 Adventure Sports ES DCT chegam ao Brasil em agosto;

E aí, curtiu todas as mudanças para a nova Africa Twin 1100 no Brasil? E os preços, estão de acordo? Deixe sua opinião nos comentários. Assista o vídeo acima para ver todas as novidades da Africa Twin 1100 no Brasil.

Advertisement

2 respostas em “Nova Africa Twin 1100 no Brasil Preço e versões

  1. A questão é o sobrepreço que as concessionárias cobram, de no mínimo 6 mil. Mas infelizmente parece que a política da Honda para motos de média e alta cilindrada é essa mesma: produzir poucas unidades para que as revendas ganhem muito em cada uma, em vez de produzir uma quantidade maior e lucrar menos em cada unidade! Lastimável. Sempre foi difícil comprar moto Honda acima de 500cc. A resposta dos vendedores é a mesma: “tem que fazer o pedido e esperar de 30 a 90 dias.” Para alguns modelos nem dá para escolher a cor!

  2. A nova africa twin tem muitas melhorias em relação a 1000 e o câmbio DCT tem recebido muitos elogios inclusive no off-road. Em relação ao preço a vermelha com câmbio DCT está com preço muito bom. A adventure sports é uma moto para grandes viagens, mas ficou com um preço um pouco salgado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *