Nova linha Honda 2015 traz a nova CBR 300R, veja ficha técnica e fotos

Sendo incluída no “line-up” de motos para o mercado norte-americano, a novidade chega para manter em ebulição o mercado das pequenas esportivas que tem sido bem quente nos últimos tempos. Será que vai ser dessa vez que a Kawasaki Ninjinha 300 vai ter uma concorrente de peso?

honda-cbr-300r-2015

Recentemente a Honda anunciou nos EUA o lançamento da sua linha 2015 de motocicletas trazendo como novidades alguns modelos Off-Road e, principalmente, uma pequena esportiva muito aguardada por todos: a Nova Honda CBR 300R 2015.

Advertisement

Sendo incluída no “line-up” de motos para o mercado norte-americano, a novidade chega para manter em ebulição o mercado das pequenas esportivas que tem sido bem quente nos últimos tempos. Será que vai ser dessa vez que a Kawasaki Ninjinha 300 vai ter uma concorrente de peso?

honda-cbr-300r-2015

Lançamento Honda 2015 CBR 300R

O modelo, que é uma atualização da CBR 250R, agora vem equipado com um motor monocilíndrico com várias alterações e uma das principais alterações é no novo virabrequim e biela que leva o curso do motor de 55mm para 63mm, batendo assim o deslocamento do motor em 37cc a mais, de 249cc da versão 250 para 286cc na 300.

Seu sistema de injeção de combustível foi remapeado para fornecer uma resposta mais nítida do acelerador, enquanto que um sistema de escape inspirado na CBR 500R traz maior volume interno para aumentar a performance e reforçar a aparência e imponência do modelo nas ruas.

 

Design da nova CBR 300R

Seguindo os mesmos traços da nova linha CBR 500R, a CBR 300R traz um design muito esportivo e já aceito pelos motociclistas. As novidades ficam por conta do novo assento em dois níveis e, principalmente, pelas carenagens laterais que agora foram mais bem desenvolvidas visando à facilidade do alcance ao chão. Sua carenagem frontal dispensa comentários com seu farol duplo. É algo típico da Honda.

honda-cbr-300r-2015

Edição Especial da Honda CBR 300R 2015

A novidade da Honda será comercializada em uma versão na famosa combinação de três cores (branco, azul e vermelho), outra versão na cor preta, outra vermelha e uma edição especial toda e um tom de preto metálico com faixas amarelas. No mercado dos EUA na haverá distinção de valores entre as versões normais e a edição especial. A única mudança de valor fica por conta da versão ABS que será vendida por US$4.899, enquanto que a versão Standard fica em US$4.399

 

Honda CBR 300R 2015 Ficha Técnica

Motor: 286cc monocilíndrico de quatro tempos com refrigeração líquida, DOHC, quatro válvulas por cilindro
Diâmetro e curso: 76,0 milímetros x 63,0 milímetros
Taxa de compressão: 10,7:1
Injeção: PGM-FI, corpo do acelerador 38 milímetros
Transmissão: Seis velocidades
Suspensão Dianteira: 37 milímetros garfo
Suspensão Traseira: Pro-Link monochoque com cinco posições de ajuste de pré-carga da mola
Freio Dianteiro: Pinça de pistão duplo com único disco 296 milímetros
Freio Traseiro: Disco 220 milímetros
Pneu Dianteiro: 110/70-17 radial
Pneu Traseiro: 140/70-17 radial
Altura do assento: 30,7 polegadas

 

honda-cbr-300r-2015 honda-cbr-300r-2015 Nova linha Honda 2015 traz a nova CBR 300R 12 honda-cbr-300r-2015 honda-cbr-300r-2015 honda-cbr-300r-2015 honda-cbr-300r-2015 honda-cbr-300r-2015 honda-cbr-300r-2015 honda-cbr-300r-2015

Advertisement



18 comentários em “Nova linha Honda 2015 traz a nova CBR 300R, veja ficha técnica e fotos

  1. Quando lançaram a CB 300 eu fui na loja e la estava ela linda ano 2009 e do lado uma Twister 2008, o vendedor queria me obrigar a comprar a CB 300 e eu comprei a Twister que ja tinha saido de linha. Conheço um pouco de moto alias desde 1987 andando sob duas rodas. Hoje minha Twister está com 33 mil KM anda mais que noticia ruim, bate CB 300 e XRE na velocidade final e nao me incomoda. Não se iludam pela aparencia da moto, eu entendo que acima de 250 cc a moto tem que ser bicilindrica e esta nova CBR 300R não terá como competir com as demais 300 cc existentes no mercado. Eu só vou sair da minha velha “cbx 250” ou para a CB 500 ou para a Kawa, ninja 300. Boa pilotagem a todos e sejam felizes com suas motos.

  2. A Honda está de parabéns pois sempre tive motos da Honda ,nunca fiquei na mão pois suas motos foram progedadas para quem gosta de motos,agora já existe motos com mais cilindradas para quem gosta de velocidades mais altas,o cegredo e este quem quer correr não tem dinheiro para comprar ‘eu curto a moto ‘seu desaine sua cor etc,isto e gostar de moto….

  3. Continua uma bosta, se duvidar vai levar peia até da ninja 250. Os caras passaram 3 anos desde o fiasco da 250 deles e quando vem, ainda vem com essa bomba. Meu amigo, o problema da honda, é achar que qualquer merda pode ser vendida aqui, e o pior que eles estão certos, brasileiro se contenta com qualquer porcaria que é lançada. Se o brasileiro fosse exigente de fato, não comprava mais nada de baixa cc da honda, ia pra yamaha que está muito melhor acabada e bem mais confortável.

  4. A 250 não era ruim, só não era esportiva como a concorrência, econômica só que muito cara, se ela faz um bicilindribicilíndrico iria competir com a cb 500 iria terminar com as vendas da mesma, mas com certeza virá bem cara, acima de 16 mil o negócio é ir para a Kawasaki

    1. Falando em preços abusivos, realmente o preço da CBR é altíssimo, porem acho que compensa mais que uma Ninja 300, claro a ninja é bem melhor que a CBR mas o preço da manutenção básica e peças da Kawasaki são muito caros, enquanto da Honda sai bem mais em conta! Então o que compensa mais ter uma CBR +16.000 com peças baratas ou uma Kawasaki +18.000 e peças caras e revisões de 500 reais? Eu vou de CBR! A Ninja corre mais, mas se eu quiser correr mesmo compraria uma 600cc, que esta quase o valor da Ninja 300 com ABS!

    1. Quando você estiver andando a 110 numa estrada, na faixa da direita, e uma carreta colar na sua traseira pra te empurrar você vai entender o motivo. Tente andar com uma 600cc na Anchieta/Imigrantes a 110/120 km/h para você ver quantos dias vai demorar para você ser assaltado por um outro motociclista com um garupa.

  5. A honda acha que essa chaleira de 1 cilindro vai competir com a kawasaki ninja 300 de 39 cv e a nova YZF R3 de 42 CV, ambas bicilíndricas? Acho que não né. A antiga CBR 250 dificilmente passa de 180 km/h enquanto a ninja 300 beira os 200 km/h sem alterações. E acredito que YZF R3 alcançará os 200 km/h.
    Típico da honda fazer essas merda, aí os inúteis ignorantes brasileiros compram e mechem tudo no motor pra ganhar 10 ou 20 km/h. Só pensam no preço na hora de comprar. “honda é honda”… E burro é quem compra…

    1. Cara creio que o objetivo da CBR ñ seja ganhar da Ninja em velocidade, a ideia da Honda é uma moto bonita e econômica pra cidade, usar no dia dia, a CBR por ter menos potencia obviamente gasta bem menos que a Ninja… Ou até mesmo viajar, ñ pra apostar corrida, se fosse assim ele teria feito com 2 cilindros… Se quer correr melhor comprar uma 600cc que esta quase o preço de uma Ninja 300 com abs 🙂

      1. Até faz um pouco de sentido seu pensamento. Mas é bem típico da ronda lançar motos menos completas, mas com preços semelhantes as concorrentes que ja vem completas de fábrica. Principalmente no Brasil onde ela faz isso melhor do que ninguém, ja que brasileiro só compra dessa marca.

Deixe uma resposta para Dione MCkuin Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *