Nova Suzuki V-Strom 1000 volta ao Brasil totalmente reformulada

Nova Suzuki V Strom 1000 volta ao Brasil

Nova Suzuki V-Strom 1000 retorna completamente renovada após ficar aproximadamente 4 anos fora das lojas. Saindo de circulação em meados de 2009 a V-Strom 1000 voltou ao mercado mundial em 2013 e agora, logo após a Copa do Mundo, retorna ao mercado brasileiro cheia de novidades e praticamente se tornando uma nova moto.

Advertisement

As mudanças foram tão grandes que a nova V-Strom 1000 possui tecnologias que a Suzuki nunca havia empregado em nenhuma outra de suas motocicletas fabricadas até hoje. Estamos falando de um controle de tração, que não é nenhuma novidade, mas que está sendo utilizado pela fabricante em sua primeira motocicleta. A novidade da Suzuki ainda conta com um assistente de embreagem de dois modos: Assistido, onde a  força requerida para acionar o manete é reduzida; e Deslizante, que permite uma redução mais suave das marchas;

Nova Suzuki V Strom 1000 volta ao Brasil

Com valor de R$55.900,00 a V-Strom 1000 chega em julho e será produzida através da fabrica J.Toledo Suzuki, em Manaus, no já conhecido sistema CKD (onde as peças são importadas e a montagem acontece aqui, no Brasil).

As mudanças da novidade vão desde o design até o motor que, apesar de ter sido desenvolvido com base no anterior de 996cc, agora possui 1.037cc. As características do propulsor são: DOHC, V2 com 8 válvulas e refrigeração líquida capaz de gerar a potência máxima de 101cv a 8.000rpm e torque máximo de 10,5kgf.m a 4.000rpm.

Apesar da aparência de que encara qualquer terreno a V-Strom 1000 2014 tem melhor desenvolvimento no asfalto. Essa ideia fica clara ao observarmos os seus pneus: Battle Wing Bridgestone de 150/70 R17 na traseira e 110/80 R19 na dianteira que são feitos para o asfalto. Outro detalhe é não possuir a opção de desligar o sistema de freios  ABS, muito utilizada na hora de pegar estradas de chão.

Nova Suzuki V Strom 1000 volta ao Brasil

Outra novidade interessante do modelo é o seu conjunto de suspensão de alto nível que conta com garfos dianteiros invertidos KYB e balança traseira convencional (160mm de curso) que possuem total ajuste de pré-carga, compressão e retorno. Para garantir um uso mais versátil  em perímetro urbano seu peso foi diminuído em 13%, pesando agora 228kg em ordem de marcha.

Disponível em quatro opções de cores (preta, vermelha, branca e dourada) a V-Strom 1000 não fica fora do preço sugerido de suas concorrentes mais próximas comercializadas no país. Seus quase R$56mil competem diretamente com a Ducati Multistrada 1200 ABS e a Yamaha XT 1200Z Super Ténéré que custam exatamente o mesmo valor.

 

Vídeo Nova Suzuki V-Strom 1000 2014 Brasil

 

Ficha Técnica da nova Suzuki V-Strom 1000 2014

 

Motor 4 tempos DOHC, 2 cilindros e “V” a 90º
Cilindradas 1.037cc
Refrigeração Líquida
Potência Máxima 101cv a 8.000rpm
Torque Máximo 10,5kgf.m a 4.000rpm
Alimentação de Combustível Injeção Eletrônica
Sistema de Ignição Eletrônica por CDI
Câmbio 6 velocidades
Freio Dianteiro Disco duplo de 310mm com ABS
Freio Traseiro Disco simplesde 260mm com ABS
Capacidade do Tanque 20 litros
Peso 228kg (em ordem de marcha)
Dimensões 2.285 mm (comprimento) x 865 mm (largura); 1410mm (altura total)

 

Nova Suzuki V Strom 1000 volta ao Brasil Nova Suzuki V Strom 1000 volta ao Brasil Nova Suzuki V Strom 1000 volta ao Brasil Nova Suzuki V Strom 1000 volta ao Brasil Nova Suzuki V Strom 1000 volta ao Brasil Nova Suzuki V Strom 1000 volta ao Brasil Nova Suzuki V Strom 1000 volta ao Brasil

Advertisement



2 comentários em “Nova Suzuki V-Strom 1000 volta ao Brasil totalmente reformulada

  1. Tenho uma Old Vstrom 2008/09. Gosto muito da moto, estava ansioso pelo modelo novo, confesso que o preço foi um balde de água fria. Por 56,000 temos opções mais interessante, algumas com trasmissão por eixo cardã, como a Super Teneré e KTM superduke. Com trasmisão por corrente temos: Tiger 800 XC, BMW F800 Adventure e, principalmente Kawasaki Versys 1000 ABS, que trás tudo que a suzuki oferece e mais um belo motor 4 cilindros. O que me da esperanças é o histórico da J. Toledo, sempre pedem mais que a concorrência para em seguida oferecer descontos generosos. Proponho uma campanha na net: NÃO COMPRE SUA V STROM AGORA!

  2. Vai custar R$ 55.900 ? É isso mesmo?????
    Então é o mesmo preço que a Triumph Tiger Explorer 1200 e a Yamaha Super Ténéré 1200, ambas com transmissão cardã???
    Em NENHUM PAÍS DO MUNDO a nova Suzuki V-Strom 1000 custa o mesmo que uma Triumph Tiger Explorer 1200 ou a Yamaha Super Ténéré 1200, SÓ AQUI NO BRASIL !!!!!!!!!
    Muitos clientes irão pra concorrência se a Suzuki brasileira não revisar este preço!

    Reply ↓

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *