Posso pilotar moto por correia em estrada de terra?

Posso pilotar em estradas de terra e cascalho com uma motocicleta acionada por correia?

dicas-harley-01

Posso pilotar em estradas de terra e cascalho com uma motocicleta acionada por correia?

Advertisement

Seja novo no motociclismo ou alguém que já pilota há algum tempo, dicas e conselhos de especialistas são sempre bem-vindos. Pensando nisso a Harley-Davidson do Brasil resolveu responder essa e outras dúvidas dos motociclistas.

Você já parou para pensar no que levar no seu kit de ferramentas? E por que os motociclistas acenam? Bom, os especialistas vão responder suas dúvidas, veja a seguir.

dicas-harley-01

Posso pilotar moto por correia em estrada de terra?

Tendo em mente que a segurança da pilotagem sempre deve ser a principal preocupação de todo e qualquer motociclista, recentemente publicamos uma matéria comparando o uso do kit transmissão por corrente ou por correia, qual o melhor?

E em meio a tantas dúvidas geradas nesse debate, eis que a Harley-Daivdson do Brasil nos envia um comunicado justamente falando sobre as correias utilizadas em motos da marca. Então vamos a resposta para a pergunta: É possível pilotar moto por correia em estrada de terra?

Sim. As correias de transmissão modernas de Kevlar reforçado são incrivelmente duráveis e resistem aos danos de pequenas pedras e outros detritos de beira de estrada. São tão confiáveis que a Harley-Davidson as considera uma peça para toda a “vida útil da motocicleta”.

Na verdade, é mais provável que você consiga desgastar (mais rápido) uma roda dentada do que uma correia. Limpar e inspecionar sua correia de transmissão regularmente deve ser mais do que suficiente.

dicas-harley-02

O que devo levar no kit de ferramentas da moto?

Claro que cada moto, e cada tipo de piloto que entende um pouco de mecânica, vão precisar e usar um kit específico.

Usando como exemplo alguém que tenha uma moto da Harley atual, a marca recomenda ter em seu kit chaves de fenda comuns, um conjunto de chaves de boca com medidas em polegadas e milímetros e algumas pontas ou chaves Torx.

Sua motocicleta pode ter alguns parafusos de rosca métrica, como os da pinça de freio e os dos terminais da bateria, por isso uma chave combinada de 10 mm e 12 pontos deve estar sempre à mão.

dicas-harley-03

Outro item essencial é uma chave Torx T27, já que os modelos H-D modernos usam parafusos T27 em vários lugares. Não se trata de um tamanho comum encontrado na maioria dos conjuntos de chaves Torx, então, provavelmente, você terá que comprar uma chave ou ponta para adicionar ao seu kit.

Quanto mais experiência em mecânica você tiver, mais ferramentas irá carregar. E quanto mais você puder usar suas ferramentas com frequência, mais experiência irá ganhar para resolver um problema no meio da sua viagem.

dicas-harley-04

Por que os motociclistas acenam?

Bom, como a própria Harley fala em seu comunicado: “essa é uma história que não foi muito bem documentada”. E já emenda uma frase de efeito em seguida: “talvez isso nem seja preciso”. E realmente não precisa.

Como a própria marca divaga, o aceno é uma forma de compartilhar a felicidade de pilotar uma moto, pois a motocicleta proporciona isso para as pessoas. E pessoas assim adoram interagir com o “mundo de fora”, acenando e espalhando sua alegria.

O aceno também acaba se tornando uma mensagem de respeito e um desejo de bons ventos durante a viagem do amigo que está do outro lado da pista. Então se alguém acenar para você, retribua com a mesma felicidade.

dicas-harley-05

Como faço para minha parceira passear mais comigo?

E por último, nessas dicas de especialistas compartilhadas pela Harley-Davidson do Brasil, o pessoal tenta ajudar a resolver uma situação delicada, que é tentar convencer o companheiro ou companheira a andar mais de moto.

A primeira sugestão é tentar tornar o famoso “rolê de moto” em uma atividade mais agradável (ou menos desagradável!). A ideia aqui é fazer viagens divertidas, que envolvam uma gastronomia simples, mas saborosa, e o investimento de tempo e dinheiro em coisas que dariam prazer à ambos.

Uma boa dica é prestar atenção nas reclamações da garupa, as vezes pequenas modificações podem melhorar muito o conforto de quem vai atrás. Outra sugestão é entender se a sua garupa, em vez de querer ser garupa gostaria de ser piloto, tendo então duas motos para viajar.

Advertisement



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *