Qual o melhor lubrificante para corrente de moto? Nós testamos

3

Qual melhor lubrificante para corrente de moto? Fizemos o teste com lubrificante spray específico, graxa branca e graxa branca sprays. Veja o resultado!

Qual o Melhor Lubrificante Para Corrente Teste

Qual melhor lubrificante para corrente de moto?

Nesse vídeo nós fizemos o teste de lubrificante para corrente de moto de três tipos e explicamos porque não é indicado usar graxa branca na corrente da moto.

Mas afinal, qual spray lubrificante para corrente é melhor? Assista no vídeo:

Qual o melhor lubrificante para corrente de moto

Existe uma grande dúvida sobre o qual lubrificante usar na corrente da moto, inclusive se a graxa branca é o melhor.

A Graxa é um excelente lubrificante, porém não é recomendado o uso na corrente de transmissão da motocicleta (salvo algumas exceções). Isso porque a graxa possui baixa viscosidade e não penetra entras as partes internas da corrente (pino rolete e bucha).

Além de não ser eficiente na lubrificação da corrente, a graxa pode até prejudicá-la por acumular sujeiras com facilidade, se tornando uma “pasta abrasiva” e com isso acelerando o desgaste de todo o conjunto (coroa, pinhão e corrente).

Podemos usar graxa em outros componentes da motocicleta, como por exemplo a graxa a base de lítio nos rolamentos das rodas, na caixa de direção e nos pinos (da balança e pino da roda).

O recomendado pela Riffel, fabricante há décadas de kits transmissão, e pelas montadoras de motos de todo o mundo é usar Spray de óleo específico para corrente de motocicleta ou óleo do tipo viscosidade SAE 80 ou 90.

Lembrando que a lubrificação da corrente da motocicleta é uma das práticas que resultam na longa durabilidade do kit transmissão.

Teste Graxa Branca Corrente Moto

Teste graxa branca na corrente da moto

[transcrição do vídeo] Então Thiago, o primeiro teste a gente começou utilizando a graxa branca. Conta aí pra gente já as primeiras coisas que a gente viu aplicando ela de fato na corrente.

Bom, na aplicação da Graxa Branca na corrente da moto o que a gente viu já a princípio foi o acúmulo dela na região do pinhão. É lógico que a gente colocou um pouco a mais de graxa branca que o natural para ilustrar e demonstrar.

E com acúmulo ali demonstra que além da graxa, também pode aderir outras coisas, como areia, detritos do asfalto e com isso aumentar a abrasão. No dia a dia vai vir sujeira, vai pegar um dia de chuva ou vai pegar uma poça (de água), barro, poeira… vai acumulando, vai grudando e vai desgastando.

Aqui (no vídeo) a gente vai simular com papel o efeito como se fosse de areia. Então podemos ver que a graxa, ela gruda. E gruda qualquer coisa também, qualquer areia ou detritos que encoste ali nessa região, que tenha contato nessa região, ele mantém. Então essa graxa branca acaba virando uma pasta abrasiva, onde acelera o desgaste externo dos componentes….

Claro que nessa condição que a gente está exibindo aí a gente botou bastante (graxa branca) para mostrar que ela se acumula de fato. Vai ser um pouco menor dependendo da quantidade que utilizar, mas sempre vai acumular, sempre vai ter o acúmulo e com esse acúmulo também a adesão de outras partículas, impurezas, areias e o que tiver aí na nossas estradas.

Teste Graxa Branca Corrente Moto Resultado

E já o segundo ponto, o principal, a gente começou a abrir a corrente e mostrar de fato.

Na hora que a gente retirou a emenda evidenciamos que a graxa branca em pasta não entrou dentro dos componentes. É só uma lubrificação externa e não entra dentro dos componentes como deveria, logo em que é aplicada. Então por fora aparenta estar lubrificada e por dentro está seco, desgastando as peças internas da corrente.

Nós temos aqui a região da emenda onde está por fora da corrente está tudo impregnado com graxa e por dentro, dentro da bucha e dos pinos, não tem nada, nenhum vestígio de graxa lubrificante. E a gente precisa que lubrifique toda a corrente, por dentro e por fora, mesmo a gente não vendo a parte interna, ela teria, na teoria para ser eficiente, lubrificar a parte interna por completo, teria que ter todas as partes lubrificadas para que diminua o atrito e com isso o desgaste. É aí a gente começa a aumentar a vida útil do kit transmissão da moto.

Teste Graxa Branca Spray Corrente Moto

Teste graxa branca spray na corrente da moto

[transcrição do vídeo] E aí a gente já fez o segundo teste, foi aplicado então a Graxa Branca Spray na corrente da moto, que parece ser líquida, que parece que ela vai ser eficiente… qual foi o resultado?

Na aplicação da Graxa Spray no kit transmissão ela teve um menor acumulo na região do pinhão em relação a pasta de graxa branca, porém, quando desmontamos a corrente na segunda etapa do nosso teste a gente também evidenciou que não teve a lubrificação interna das peças. Então as peças internas como pino, rolete e bucha continuavam secos.

Teste Graxa Branca Spray Corrente Moto Resultado

A gente vê que por fora ela realmente lubrificou, nos mostrou que ficou com aquela aparência de um lubrificante spray específico e indicado para moto, mas só que de fato ela ainda é um pouco mais densa, (sua viscosidade é) mais grossa, e acaba não entrando aonde ela realmente precisa lubrificar, que são as peças internas que entram em atrito ao rodar com a moto.

Ela tem um pouco mais de viscosidade que a graxa normal, porém, ainda não tem a viscosidade ideal para que entre dentro das peças. Para que passe e lubrifica por dentro e por fora. A graxa spray até pode manter um pouco de lubrificação ali junto com o pinhão, com a coroa, passando por eles, por cima dos dentes deles, mas na corrente de fato (e suas partes internas) não penetra né… Não penetra não.

Teste Spray Corrente Moto

Teste spray lubrificante indicado para corrente de moto

[transcrição do vídeo] E aí agora a gente fez então o terceiro teste com o lubrificante ideal para corrente de moto e qual foi o nosso resultado?

Com esse terceiro teste a gente utilizou o lubrificante spray específico para motocicleta, não tivemos o acúmulo de sujeira na região do pinhão e quando desmontamos a emenda a parte do pino, rolete e bucha, eles continham lubrificação.

Aplicamos o óleo spray, óleo específico para moto nos mesmos pontos da corrente (que nos outros dois testes), num ponto que é indicado na parte de baixo da corrente, aplicamos na parte central do rolete, na questão da emenda, para ver se a gente tem a lubrificação dentro dos componentes.

E vamos abrir a emenda agora para ver como é que está após a lubrificação… Então a emenda, a “travinha”, ficou bem lubrificada. E agora vamos ver a emenda de fato… A placa apresenta bastante óleo entre os dois lados. Aqui a gente consegue ver (no vídeo) que o óleo penetrou bem entre a borracha e a placa interna. Nós temos aqui bastante óleo nessa região… E nós temos aqui o pino também apresentando óleo. Então esse seria o ideal devido à viscosidade.

Teste Spray Corrente Moto Resultado

Ele (esse tipo de spray específico) consegue adentrar as peças, entre as peças e com isso a gente tem a lubrificação completa da corrente, diminuição de atrito e prolongação da vida útil do kit transmissão da moto. Tirando também até um pouco de ruído que pode causar, porque está tudo lubrificado, está tudo trabalhando do jeito certo sem gerar um atrito adicional…

Algumas pessoas falam “pô, mas a graxa branca é muito mais barato”, “o lubrificante ideal é um pouco mais caro”, mas aí a gente acaba ganhando mais em vida útil (do kit transmissão inteiro), então a gente vai gastar menos do que com um kit transmissão e vai compensar aí nessa lubrificação. Vai aumentar a quilometragem rodada lubrificando da maneira correta. Da maneira ideal.

Qual o Melhor Lubrificante Para Corrente Teste

Qual é o óleo ideal para corrente da moto?

O óleo indicado para corrente de moto é o SAE 80 ou 90 ou ainda um spray lubrificante específico para moto (que tenha a viscosidade SAE 80 ou SAE 90).

No caso da graxa branca, ela é utilizada como lubrificante, e ela é um ótimo lubrificante, mas para outras aplicações, como na área de indústria, indústria naval como ela surgiu, enfim tem aplicações e finalidades específicas para essa graxa branca, para a graxa branca spray… mas para o kit transmissão da moto tem que ser mesmo o óleo SAE 80/90 ou lubrificante específico.

3 thoughts on “Qual o melhor lubrificante para corrente de moto? Nós testamos

  1. Eu ja testei com aquele oleo de maquina, aquele verdinho, passei com pincel e tirei o exesso ficou muito bom, e teve uma vez que eu passei ele com um pincel nas beradas da corrente pera entrar dentro do gomo e tambem com um pincel passei graxa nos roletes ai eu tive um melhor resultado, mas aja paciencia, na época eu fazia bico de entregador entao sempre tinha que deixar bem lubrificada

  2. O título da postagem sugere um Review abrangente para determinar o melhor lubrificante de correntes, porém a matéria é pobre e sem conteúdo. Apenas fala mal da graxa branca e indica um óleo pesado.
    Para se determinar um bom lubrificante, o mínimo que se espera é um comparativo com os 5 ou 10 produtos mais vendidos e nas condições de uso. Colocar a corrente para girar tracionando, sujá-la com poeira/areia/lama, molhar para testar a resistência a água…

    1. Tem um vídeo no YouTube do FortNine com vários lubrificantes e testando várias características, pontuando cada uma delas. A que deu melhor resultado: óleo SAE 80 ou 90.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *