Sertões 2021: Honda comemora título inédito

Com final do Sertões 2021 antecipada em um dia por conta das fortes chuvas, Honda fica com o segundo lugar na geral de Motos, conquista o bicampeonato na Moto 2 e comemora o título inédito da classe Brasil, com a CRF 250F.

Com final do Sertões 2021 antecipada em um dia por conta das fortes chuvas, Honda fica com o segundo lugar na geral de Motos, conquista o bicampeonato na Moto 2 e comemora o título inédito da classe Brasil, com a CRF 250F.

Advertisement

O vice-campeonato na classe geral fica por conta da lenda do rally dos Sertões, o piloto Jean Azevedo, que é o maior vencedor da história das motos, com sete títulos na geral, e participou do Sertões pela 26ª vez.

Bissinho Zavatti traz o bicampeonato na classe Moto 2 para o time vermelho também com uma CRF 450RX, enquanto Tiago Wernersbach conquistou o título inédito da classe Brasil, dedicada às motos de fabricação nacional, com uma CRF 250F.

Rally dos Sertões 2021 termina antes do tempo

A 29ª edição dos Sertões terminou no sábado (21/08), um dia antes do planejado, por conta de fortes chuvas que desabavam entre Alagoas e Pernambuco, obrigando a organização a cancelar o último trecho cronometrado da prova.

Por conta disso, bastou aos pilotos seguirem até Tamandaré, Pernambuco, no domingo (22/08) para apenas cruzarem a linha de chegada e encerrar o maior rally das Américas. São aproximadamente 3.600 km, onde mais de 2.000 km são de trechos cronometrados.

O maior vencedor da história do Rally dos Sertões, Jean Azevedo, representante do time vermelho, ficou com o vice-campeonato na classe Geral de Motos, seguido por seu companheiro de equipe Bissinho Zavatti.

Além do vice-campeonato da geral, Jean Azevedo confirmou a mesma posição na disputa da classe Moto 1, atrás do francês Adrien Metge. O paulista é o maior vencedor da história das motos, com sete títulos na geral, e participa do Sertões pela 26ª vez.

“Estava em busca do meu oitavo título, mas chegar aqui mais um ano e com o vice-campeonato foi importante. Estou muito feliz pela equipe, além do meu resultado tivemos o título do Bissinho na Moto 2, o Gregorio Caselani ficou no Top 5 e o Wernersbach foi o campeão da Brasil. O time todo está de parabéns, conseguiu fazer excelentes resultados, e agora já vamos pensar para frente”, garante Azevedo.

Bissinho Zavatti, por sua vez, foi campeão na classe Moto 2 do Sertões 2021 e dedicou sua vitória ao piloto Tunico Maciel, bicampeão do Sertões, que faleceu no ano passado durante a competição.

“É muita felicidade. Pedi para que eu conquistasse esse título, para poder dedicar a ele. Todo dia que eu saia para andar de moto eu pedia para que esse título viesse. Graças a Deus nosso anjo Tunico fez eu conquistar isso, agradeço demais pela oportunidade e por todo o suporte da Honda Racing”, afirma Zavatti, bastante emocionado.

Já na categoria Brasil, aonde só competem motos fabricadas no país, o Sertões 2021 tem um novo campeão. Esse é um título inédito para a Honda Racing Brasil.

O capixaba Tiago Wernersbach estreou no maior rally das Américas e assegurou a taça para o time vermelho. Acelerando uma CRF 250F, ele ainda conquistou o 12º lugar no ranking geral das motos.

“A emoção é muito grande. Quero agradecer a Honda Racing pela oportunidade e o chefe de equipe Dário Júlio e meu companheiro de time Thiago Veloso por toda a ajuda que eles me deram durante a prova”, declara Wernersbach.

Gregório Caselani, que foi o líder dos três primeiros dias de provas com sua CRF 450RX e campeão do Sertões de 2016, ficou com o quinto lugar na categoria geral das motos, com o terceiro posto na classe Moto 1 e foi o campeão do Mundial de Rally Cross Country na Rally GP.

“O time todo chegou muito bem ao fim das disputas. A sensação é de tranquilidade, já que a prova foi muito dura, e de dever cumprido, por termos chegado bem. Tive um erro na quarta etapa que, infelizmente, tirou as minhas chances de título (da Geral), mas corridas são corridas e estou pronto para a próxima”, observa Caselani.

Resultado final Sertões 2021

 

Geral Motos Sertões 2021

  • 1º Adrien Metge #4 – 30:06:12
  • 2º Jean Azevedo #3 – 30:22:40 – Honda CRF 450RX
  • 3º Bissinho Zavatti #6 – 30:40:06 – Honda CRF 450RX
  • 4º Tulio Malta #5 – 30:55:55
  • 5º Gregorio Caselani #7 – 31:02:27 – Honda CRF 450RX
  • 12º Tiago Wernersbach #41 – 33:22:37 – Honda CRF 250F
  • 39º Thiago Veloso #25 – 40:49:22 – Honda CRF 250F

 

Moto 1 Sertões 2021

  • 1º Adrien Metge #4 – 30:06:12
  • 2º Jean Azevedo #3 – 30:22:40 – Honda CRF 450RX
  • 3º Gregorio Caselani #7 – 31:02:27 – Honda CRF 450RX
  • 4º Marco Antônio Pereira #18 – 32:45:34
  • 5º Marcos Colvero #46 – 35:08:22

 

Moto 2 Sertões 2021

  • 1º Bissinho Zavatti #6 – 30:40:06 – Honda CRF 450RX
  • 2º Tulio Malta #5 – 30:55:55
  • 3º Vitor Siqueira #10 – 32:41:04
  • 4º Bruno Leles #8 – 33:28:59
  • 5º Maxwell Medeiros #20 – 35:14:44

 

Brasil Sertões 2021

  • 1º Tiago Wernersbach #41 – 33:22:37 – Honda CRF 250F
  • 2º Leonardo Martins #21 – 36:11:52
  • 3º Gabriel Carneiro #71 – 39:31:45
  • 4º Thiago Veloso #25 – 40:49:22 – Honda CRF 250F
  • 5º Bruno Pereira #69 – 42:27:41

 

Fotos: Mundo Press / Rodrigo Barreto / Ricardo Leizer / Victor Eleutério / Marcelo Maragni

Advertisement

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *