Nova Tiger Sport 660 é lançada, veja preço e fotos

Nova Sport Touring Tiger Sport 660 é lançada oficialmente pela Triumph, veja preço, fotos e todos os detalhes da novidade.

É oficial! Triumph lança nova Tiger Sport 660, sua Sport Touring de média cilindrada que chega ao mundo para atrair o público que busca uma moto para rodar bons quilômetros no asfalto.

Advertisement

O modelo usa como base a recém-lançada Trident 660, está equipado com a versatilidade do motor “triple” da fabricante inglesa e se torna uma opção de condução simples, mas que proporciona doses de emoção durante a pilotagem.

Com seus mais de 80 cavalos, não é só o motor que se destaca na novidade. O lançamento 2022 da Triumph ainda traz dois modos de pilotagem, controle de tração comutável, suspensões da Showa e até uma pequena tela em TFT no painel.

Nova Triumph Tiger Sport 660

Começando pelo design da nova Tiger Sport 660 podemos dizer que ela traz a qualidade de acabamento padrão da marca inglesa para um estilo visual bem comum no segmento.

Podendo ser enquadrada como uma Crossover ou uma Sport Touring, no design a Tiger Sport não foge nada do que é padrão para essa categoria. Na dianteira temos um conjunto ótico frontal que, apesar de ser em LED, segue linhas comuns.

Um para-brisas alto, bom volume de carenagens avançando além do tanque e do radiador e traseira enxuta são marcas registradas de motos desse nicho.

  • Entre no grupo do Motorede no Telegram, saiba tudo em primeira mão e interaja diretamente: t.me/Motorede

Aliás, olhando a nova Tiger Sport de lado vemos nitidamente quem a Triumph quer atacar, pois comparando ela com sua principal corrente do mercado nacional, a Versys 650, podemos ver que as duas motos são extremamente parecidas.

As carenagens têm o mesmo volume, as rodas de liga-leve seguem o mesmo conceito, o sub-chassi exposto na parte traseira está presente nas duas, as saídas de escapamento são parecidas e até o painel de instrumentos tem certa semelhança.

A Versys 650 que se cuide, pois, a partir de hoje ela está ganhando uma grande concorrente direta.

Nova Tiger Sport 660 Motor

Agora entrando na parte de motor, seguindo essa comparação, a nova Tiger Sport deixa a Versys 650 bem para trás.

A Triumph anunciou que oficialmente a Tiger Sport é capaz de gerar a potência máxima de 81 cavalos (a 10.250 rpm) e torque de 6,4 kgf.m (a 6.250 rpm) com seu motor de três cilindros em linha de 660 cilindradas.

Apesar do tricilíndrico não ter um ronco imponente, ele acaba se destacando ao ser comparado com o motor de 2 cilindros da Versys 650. No comparativo a moto da Kawasaki fica bem atrás no quesito potência, entregando apenas 69 cavalos. Já o torque é quase idêntico.

Com embreagem assistida e deslizante e câmbio de seis velocidades, a fabricante informa que essa combinação foi projetada para que a moto seja empolgante, mas ao mesmo tempo, submissa o suficiente para dar confiança a jovens pilotos. A ideia é ser uma moto de entrada.

Tiger Sport 660 Pacote Tecnológico

E para que o novo lançamento da Triumph seja uma moto esportiva e divertida ao mesmo tempo, a fabricante adotou boas tecnologias.

Começamos pelo acelerador eletrônico “ride by wire”, que dispensa uso de cabo e que permitiu oferecer dois modos de pilotagem, Rain e Road, que por sua vez alteram parâmetros da resposta do acelerador e do controle de tração.

O ABS está presente nas duas rodas e o já mencionado controle de tração e comutável, ou seja, pode ser desligado quando o piloto não desejar interferência eletrônica na derrapagem da roda traseira.

Para completar, o painel de instrumentos em TFT permite conectar um smartphone através do App My Triumph para receber dados de navegação GPS do tipo “turn-by-turn”, por setas, direto na tela ou ainda controlar uma câmera GoPro. Aqui o painel da Versys ficou muito longe.

Triumph Tiger Sport 660 Especificações

Na parte das especificações técnicas, como de praxe, a Triumph não deixou a desejar na nova Tiger Sport 660.

A Sport Touring de média cilindrada da marca inglesa vem equipada com suspensão dianteira invertida da Showa com tubos de 41 mm de diâmetro e 150 mm de curso, além de amortecedor traseiro Showa Monoshock RSU com ajuste de pré-carga de mola.

Já a frenagem é garantida com dois discos enormes na dianteira, com 310 mm, e pinças Nissin, assim como disco de 255 mm de diâmetro na traseira, também com pinça Nissin. As rodas são de 17 polegadas e estão calçadas com pneus Michelin Road 5.

O tanque de combustível tem capacidade para pouco mais de 17 litros (17,2 L), o peso em ordem de marcha é de 206 quilos e a própria Triumph informa que o consumo de combustível da Tiger Sport 660 é de 22,22 km/l (4,5 l / 100km).

Preço da nova Tiger Sport 660

Com todas essas especificações e tecnologias, quanto custará a nova Tiger Sport? No Brasil ainda não sabemos, mas na Europa seu preço já foi divulgado.

Segundo comunicado oficial, a novidade da Triumph foi lançada agora, mas só chegará ao mercado internacional em janeiro de 2022. O preço sugerido para a Tiger Sport 660 ficou em pouco mais de 9 mil Euros (9.095 €). Ou, cerca de R$ 57.400 (R$ 57.395) em conversão direta.

Para se ter uma ideia comparativa, a Versys 650 é vendida na Europa por cerca de 500 Euros a menos, sendo sugerida por 8.590 Euros, ou, aproximadamente R$ 54.200,00 em conversão direta. Aqui no Brasil a moto da Kawasaki tem preço sugerido de R$ 45.420,00.

Não há previsão de chegada da Tiger Sport no Brasil por enquanto.

E aí, será que a nova Sport Touring / Crossover da Triumph cairia bem no Brasil? Deixe sua opinião nos comentários.

Advertisement

Se inscrever
Notificar de
guest
3 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
Diego
Diego
17 dias atrás

Engraçado que fala em concorrente da Versys no estilo, mas não fala na diferença gritante de valor de revisões na autorizada, uma revisão da Tiger Sport faz umas três revisão na Versys.

Paulo Monteiro
Paulo Monteiro
19 dias atrás

A verdadeira concorrente da Tiger é a Yamaha 700 Tracer, projeto moderno da marca japonesa e com adjetivos para se equiparar a inglesa.

João
João
16 dias atrás
Responder a  Paulo Monteiro

Acho que não hein, pois a T7 é focado no off-road, já essa Tiger deixa claro o lado esportivo (até no nome Tiger Sport)