Home » Abaixo de 599cc » Nova Yamaha MT-15 2019 cairia bem no Brasil?

Nova Yamaha MT-15 2019 cairia bem no Brasil?


29 out 2018 1 Comentário

Pequena naked, Yamaha MT-15 2019 é apresentada com visual extremamente agressivo e alinhado com as irmãs mais potentes da família Master of Torque da fabricante.

Modelo é a versão nua da já conhecida esportiva R15 V3.0, lançada no Salão de Nova Délhi 2018, e é esperada para substituir a M-Slaz, outra motocicleta com design agressivo e até futurista, no mercado asiático.

Embora a MT-15 compartilhe da mesma plataforma e motor com a R15, seu design é muito inspirado nas streetfighters MT-09 (dianteira) e MT-10 (traseira). Esse novo desenho também pode indicar um futuro para outra pequena naked, a MT-03.

Yamaha MT-15 2019

Nova Yamaha MT-15 2019

Começando pelo design, a nova MT-15 2019 tem um visual nu fortemente inspirados nas maiores motos da série MT da Yamaha. O principal destaque é o chamativo e recém-desenvolvido conjunto de faróis na dianteira que mais parecem olhos “afiados”.

Seguindo a aparência agressiva está o design muscular do tanque de combustível e suas carenagens que dão extensão ao tanque e também contornam o radiador. Sim, essa pequena Street de 150 cc é refrigerada a água.

Completando o visual está a sua parte traseira mais fina e curta, seu banco de peça única em dois níveis, as rodas coloridas combinando com outros elementos do design e até seu painel digital também recém-criado e o quadro Delta-Box, que dá maior imponência.

Yamaha MT-15 2019

Yamaha MT-15 2019 Motor

Na parte mecânica a MT-15 2019 compartilha praticamente as mesmas especificações da pequena esportiva de entrada R15 da Yamaha. O coração dos dois modelos é exatamente o mesmo.

Estamos falando de um motor monocilíndrico de 155 cc, refrigerado a líquido, 4 tempos, que é reforçado com a tecnologia de acionamento de válvula variável (VVA) da Yamaha e comando simples no cabeçote.

Esse propulsor é capaz de gerar a potência máxima de 19,3 cavalos a 10.000 rpm e tem torque máximo de 1,49 kgf.m aos 8.500 giros. Um destaque é o câmbio, de seis velocidades.

Yamaha MT-15 2019

Apesar da MT-15 ser uma Street/City de 150 cilindradas seu conceito é Premium. Ela até poderia ser considerada uma naked por conta de tudo que oferece.

Se compararmos as especificações do modelo com as principais motos da mesma categoria de cilindradas do nosso mercado a pequena importada da Yamaha ganha disparado de todas.

A CG 160 Titan é a que chega mais perto, com seus quase 15 cavalos de potência máxima. Fazer 150 e seus pouco mais de 12 cv e DK 150 e seus 11,2 cv ficam bem atrás da MT-15.

Yamaha MT-15 2019

MT-15 2019 Consumo e Top Speed

Com informações de sites especializados da Ásia, onde a novidade foi apresentada e chegará em breve, com o mesmo motor da R15 e o provável menor peso total por conta de ser uma naked, é esperado que a MT-15 tenha velocidade máxima na casa dos 135 a 140 km/h.

Já o consumo deve ser melhor, partindo da mesma premissa de usar o mesmo motor porém ser mais leve por ter menos carenagem que a esportiva. É estimado que a MT-15 faça em torno de 40 a 45 km/l.

É uma combinação bem interessante entre velocidade máxima e consumo de combustível. Mas vale lembrar que esse consumo só deve ser alcançado se o piloto não “enrolar” muito o cabo, andando de forma mais suave e econômica.

Yamaha MT-15 2019

Nova Yamaha MT-15 2019 Especificações

Confirmando o conceito exclusivo e Premium da MT-15 2019 estão suas suspensões, seu sistema de freios e até o novo painel digital.

O modelo global apresentado vem equipado com garfos dianteiros invertidos e suspensão traseira do tipo monoshock. Caso esse modelo fosse comercializado por aqui ao menos a suspensão dianteira seria substituída pelos garfos telescópicos convencionais.

Yamaha MT-15 2019

A suspensão traseira também seria outro item Premium que provavelmente não seria equipado em uma MT-15 nacional. No mercado brasileiro atual, entre as principais desse nicho, a suspensão por amortecedor duplo é o padrão.

Já os freios são compostos por um disco dianteiro de 267 mm e um disco traseiro de 220 mm. A novidade apresentada vem com sistema ABS de série, mas isso vai variar de acordo com a legislação de cada região.

Na Índia por exemplo, em abril de 2019 entrará em vigor uma lei que exige freios ABS para motos acima de 125 cc. Por aqui a exigência do ABS, que também começará a valer em 2019, é para motos a partir de 300 cc. Para as menores pode-se usar o sistema de freios combinados (CBS).

Yamaha MT-15 2019

Yamaha MT-15 2019 Preço

Ainda não há informações oficiais sobre o preço da novidade, mas estima-se que a nova Yamaha MT-15 2019 tenha preço sugerido entre Rs 120,00 e 130,00 Rúpias Indianas.

Esse valor em conversão direta para o Real no momento da publicação desse artigo fica na casa dos R$ 6.000 a R$ 6.500,00. Isso é muito menos do que os valores pedidos pela CG Titan e Fazer 150, por exemplo.

Yamaha MT-15 2019

Porém, vale lembrar que estamos fazendo uma comparação direta, sem taxas adicionais que poderiam incidir sobre a Yamaha para o desenvolvimento e venda da MT-15 por aqui. Certamente ela teria um preço final perto das 250 do nosso mercado.

Será que essa pequena da Yamaha cairia bem no Brasil? A briga provavelmente seria com os modelos maiores, como a Twister, Fazer 250 e até a 200 Duke, pois todas possuem atributos comparáveis.

Yamaha MT-15 2019 Yamaha MT-15 2019



1 Comentários para "Nova Yamaha MT-15 2019 cairia bem no Brasil?"

  1. Seria muito bom uma moto como essa no Brasil, pena que sempre ficamos com a tecnologia de sempre (amortecedores normais na dianteira).
    Ainda, também, seria melhor ainda se a yamaha investisse em uma moto no estilo da antiga fazer250 (banco integral para conforto de ambos usuarios) com alças prontas para baú. Oque a marca, em Minha opinião, ficou devendo aos usuários que fazem viagens de fim de semana!

Deixe uma resposta