Home » Abaixo de 599cc » Motocar pretende infestar o Brasil com triciclos estilo Tuk-Tuk. Não sabe o que é? Veja aqui

Motocar pretende infestar o Brasil com triciclos estilo Tuk-Tuk. Não sabe o que é? Veja aqui


25 jun 2014 14 Comentários

Com fabricação 100% brasileira, produzido em Manaus, a empresa Motocar trouxe ao mercado do país triciclos ao melhor estilo “Tuk-Tuk” em meados de 2011 e 2012. Esse tipo de triciclo é muito conhecido por ser utilizado tradicionalmente como Taxi indiano e agora a fabricante pretende expandir seus negócio abrindo mais 20 concessionárias no país até o final de 2014.

Atualmente a Motocar possui uma rede de 15 pontos de venda espalhados por várias regiões do Brasil que vão desde Manaus e Recife até Curitiba. Ao todo são três modelos de triciclos que são comercializados: o MTX-150; o MCA-200; e o MCF-200;

Motocar Triciclos MTX-150 MCA-200 MCF-200

Triciclo Motocar MTX-150 estilo Tuk-Tuk

Sendo considerada uma alternativa mais segura que as motocicletas convencionais que são utilizadas para tranasporte, os triciclos Tuk-Tuk da Motocar trazem como grande diferencial o quesito de segurança. Hoje em dia é muito comum ver os famosos Disk Água e Gás transportando bombonas e botijões de gás presos em suportes ao redor de uma motocicleta normal. Isso é extremamente inseguro. É nesse nicho que os triciclos estilo Tuk-Tuk se encaixam perfeitamente.

No caso do modelo MTX-150, que é destinado ao transporte de passageiros, algumas pessoas tem reclamado bastante de sua aparência estética. Inclusive há os mais céticos que nunca desejariam ver esse tipo de triciclo circulando pelas ruas do país. Provavelmente baseado no que estamos acostumados a ver em vídeos e filmes que mostram os famosos triciclos em ação no sistema de taxi indiano.

A fabricante apresenta o MTX-150 2014 da seguinte forma:

O modelo de passageiros MTX 150 é capaz de transportar até três pessoas em adição a 25kgs de carga, oferecendo segurança e conforto a todos.

 O triciclo conta com uma cabine traseira especialmente desenvolvida para acomodar dois passageiros sentados, tendo um cinto de segurança à disposição de cada e dispensando o uso de capacete. Além de disponibilizar uma estrutura em sua extremidade traseira, onde é possível alocar pequenas bagagens e cargas.

 Movido à gasolina, o triciclo possui extintor de incêndio, freio de mão e já sai da fábrica, sem custo adicional, com freio a disco na frente e rodas de liga leve, itens que proporcionam maior segurança e durabilidade ao veículo.

Nas características técnicas o MTX-150 vem equipado com um motor OHV mocilindrico de 4 tempos, sem especificação de cilindradas, que é capaz de rodar a no máximo 65km/h. Essa velocidade máxima é definido por conta de ser um triciclo e pelo fato de ser utilizado para o transporte de pessoas. Seu preço sugerido fica em R$10.500,00.

Motocar Triciclos MTX-150 MCA-200 MCF-200

Tuk-Tuk MCA-200 e MCF-200 para transporte de cargas

Já se falando no transporte de carga temos os MCA e MCF-200. Ambos possuem praticamente as mesmas configurações, apenas são diferenciados por um modelo possuir o compartimento de cargas aberto e o outro fechado.

Esses dois modelos foram mais aceitos pelo mercado e tem uma função crucial e muito útil: transporte de cargas a baixo custo (como ao utilizar uma  motocicleta) e com segurança. Em cidades de vários estados brasileiros já é muito comum encontrar esses triciclos transportando geralmente botijões de gás, bombonas de água e galões e caixas de produtos em geral.

No site oficial a Motocar descreve ambos dessa maneira:

Disponibilizando aos seus usuários mais de 2.250 litros livres para o transporte de praticamente qualquer tipo carga e com seu valor extremamente competitivo, o veículo pode ser considerado uma das melhores alternativas no transporte de cargas de pequeno porte dentro do perímetro urbano. Tal feito é atingido pelas suas características dimensionais, capazes de transitar nas mais diversas áreas urbanas.

Outro grande diferencial do veículo é o eixo cardan utilizado em sua transmissão, viabilizando ao produto muito mais potência no torque, confiabilidade e durabilidade. Com isso, o produto é capaz de transportar até 350kgs de carga em sua estrutura traseira. Com o intuito de fornecer ainda mais conforto ao condutor, ambas as versões disponibilizam em seu sistema de transmissão a marcha à ré, facilitando a locomoção nas mais diversas manobras que se façam necessárias.

Além disso, dispõem ainda dos itens de segurança notórios nos veículos da marca, como extintor de incêndio e freio de mão. Visando a maior funcionalidade e praticidade na rotina, o usuário ainda conta com estribos laterais para facilitar o manuseio da carga.

Essa é realmente uma boa alternativa para transporte de pequenas cargas em ruas da cidade, mas não deve ser utilizado em rodovias ou vias mais rápidas. Seu preço sugerido é de R$12.900,00.

A Motocar é a primeira empresa a trazer e fabricar esse tipo de veículo no Brasil. Sendo motivada pelo aumento em 20% nas vendas de triciclos este ano, a fabricante espera um crescimento de até 60% em seu faturamento após a abertura dessas novas 20 lojas.

O que você acha deste triciclo ao melhor estilo taxi indiano? E os outros dois modelos que são utilizados para transporte de cargas?



14 Comentários para "Motocar pretende infestar o Brasil com triciclos estilo Tuk-Tuk. Não sabe o que é? Veja aqui"

  1. Bom dia, me chamo Cláudio e presto serviços de moto taxi, tenho um ponto no qual fui aceito pelos meus amigos e companheiro de trabalho quê assim como eu planejamos trocar nossas motos por tuk tuks, a ideia é formarmos uma cooperativa e sermos os primeiros a botar em prática em nossa cidade, gostaríamos de saber quais são as condições de aquisição do veículo em Feira de Santana interior da Bahia e se a mesma tem interesse em nossa cooperativa agradeço desde já, é aguardo ancioso por resposta obrigado, Cláudio.

  2. Bom dia, me chamo Cláudio e presto serviços de moto taxi em Feira de Santana, tenho um ponto no qual fui aceito pelos meus amigos e companheiro de trabalho quê assim como eu planejamos trocar nossas motos por uti tuk

  3. É verdade este triciclo é horroroso feio demais.

  4. Bom dia,

    Como faço para receber orçamento de:

    01 – Tuk-Tuk MCA-200?

  5. Adquiri um mtx 150 para passeio e confesso que foi uma decepção. É instável em curvas e mesmo em reta não mantém seu direcionamento retilíneo estando sempre sujeito à acidentes. Pesado para dirigir, (pessoas mais frágeis e mulheres não conseguem dirigir o triciclo). Comuniquei isto à fábrica e me indicaram contatar uma autorizada. A autorizada me vendeu uma peça e dois novos amortecedores adicionais para adaptar no sistema de amortecedor da frente. Confesso que ficou pior ainda. Hoje meu triciclo está na garagem servindo para guardar materiais de pouco uso. Lamentável.

  6. e outra coisa, teria que ser um modelo que desse pra vc curtir viajar quem sabe em duas rodas.

  7. cara eu acho uma boa esta invenção porem o melhor seria um estilo moto com cabine, como vendem na europa. eu seria um que compraria. mas este tuk tuk é feio de mais.

  8. gostaria de obter mais informações, vendo pães, bolos, biscoitos, estou precisando de um veiculo economico para esse tipo de venda, whats 66 999066941,

  9. como faço pra comprar no sistema de consorcio ???

  10. Ainda tá caro, o preço de um carro usado de boa conservação. É necessário mais estudos de como invadir o Brasil

  11. Triciclos para transporte de cargas se tornaram relativamente comuns em Porto Alegre, mas ainda há um grande ceticismo com relação a modelos destinados ao transporte de passageiros. No caso desse modelo originário da Amazônia peruana, não é uma opção tão acertada ao mercado brasileiro quanto possa inicialmente parecer, tendo em vista que os fechamentos em lona no compartimento de passageiros seriam um alvo fácil para a ação de vândalos, a posição do motor e do tanque de combustível se tornam um impedimento para que a cabine do condutor seja totalmente fechada, e a velocidade máxima muito limitada inviabiliza um tráfego seguro em eventuais incursões rodoviárias. Também é pouco provável que venha a ser regularizado o uso no transporte remunerado de passageiros em localidades onde o serviço de moto-táxi é proibido, visto que acabaria sofrendo resistência por parte dos taxistas. Os tuk-tuks indianos normalmente são baseados no Piaggio Ape italiano, que já chegou a ser produzido no Brasil e comercializado como Vespacar, e que é uma plataforma mais facilmente adaptável às necessidades do consumidor brasileiro não apenas para uso profissional mas também como uma alternativa para usuários particulares que não se satisfariam com uma motocicleta mas desejam algo mais leve e compacto que um carro convencional.

  12. já enviei vários e-mails de como nstalar concessionarias e a MOTOCAR não me responde.

  13. boa noite,gostaria de saber qual é o tipo de documento exigido para pilotar o triciclo

Deixe uma resposta