Motos mais vendidas da Honda em 2020 (e menos vendidas também)

Você sabe qual foi a moto mais vendida da Honda em 2020? E a que menos emplacou em todo ano, tem alguma sugestão? Nessa série aonde vamos trazer as motos mais vendidas de 2020 das principais marcas aqui no Brasil, hoje é o dia de falar da Honda, a líder do segmento no país.

Você sabe qual foi a moto mais vendida da Honda em 2020? E a que menos emplacou em todo ano, tem alguma sugestão? Nessa série aonde vamos trazer as motos mais vendidas de 2020 das principais marcas aqui no Brasil, hoje é o dia de falar da Honda, a líder do segmento no país.

Advertisement

Com um volume total passando das 670 mil motos vendidas, mesmo com muitos dias de fábrica totalmente parada no início do ano, a Honda se consolida como a marca que mais vendeu motos em 2020, tendo quase 5 vezes mais volume do que a segunda colocada.

A seguir vamos ver as motos mais vendidas da Honda 2020. E as que venderam menos também!

Menos-Vendida-Honda-01

Motos menos vendidas da Honda em 2020

Vamos começar nossa análise falando das 5 motos que menos venderam esse ano para a Honda e a primeira da lista, ou, a menos vendida é um modelo que saiu de linha esse ano, por isso foi responsável por vender apenas 9 unidades! Isso mesmo, somente nove motos.

A CBR 650F ABS é a moto menos vendida de 2020 com 9 unidades seguida pela irmã CB 650F e as suas 22 unidades vendidas.

Claro que isso é reflexo de terem sido substituídas pela nova geração das CBs 4 cilindros e aí já entramos na terceira moto que menos teve saída em 2020, a recém-lançada CBR 650355R que acumulou 355 unidades até novembro desse ano.

Esses números nos mostram que o lado esportivo realmente está mais fraco, pois lá no meio das 26 motos da lista podemos encontrar a versão sem carenagens da nova CB 650R com quase 4x mais modelos vendidos (1.285 unidades).

Já a quarta moto menos vendida da Honda em 2020 é a topo de linha de 1000cc da família aventureira da marca, a CRF 1000L Africa Twin.

Com 390 unidades comercializadas, o modelo apresentou uma forte alta no último mês, novembro, onde vendeu mais de 150 unidades, porém ainda figura entre as menos vendidas da marca no país.

Para completar a lista com os 5 modelos menos vendidos da Honda temos uma scooter.

A SH 300 somou 492 modelos vendidos ante ao grande volume de 3.395 unidades da sua irmã menor, a SH 150, que ficou entre as 10 motos mais vendidas da marca. Seria esse o indício de que a Honda estaria preparando a substituição do modelo no Brasil?

Motos mais vendidas da Honda em 2020

Agora vamos falar das motos mais vendidas da Honda em 2020 e claro que em primeiro lugar, com mais de 260 mil unidades (260.368), está ela, a líder do segmento City/Street, a CG 160 e sua família.

Dividida em 4 modelos, a CG 160 Fan é a versão mais vendida com pouco mais de 118 mil unidades (118.742). Em segundo lugar nessa divisão de versões temos o modelo de entrada CG 160 Start (66.308) seguida pela topo de linha da família 160, a CG 160 Titan e suas quase 63 mil unidades vendidas (62.749).

Fechando a somatória das 260.368 unidades de Honda CG 160 acumuladas no ano temos a versão voltada ao trabalho pesado, CG 160 Cargo e suas mais de 12 mil unidades (12.569) até novembro.

E não tem jeito, parece que esse motor de 160 cilindradas e o preço mais acessível típico de uma moto de entrada, mesmo estando salgado, acaba fazendo sucesso, pois a segunda moto mais vendida da marca é a Bros 160.

Com mais de 95 mil motos vendidas (95.229), a trail de entrada é outro grande sucesso no volume de vendas da Honda.

Já a terceira da lista, com sua versão de 125 cilindradas colada no volume total da Bros 160, é a Honda BIZ, um sucesso de praticidade e facilidade para o dia a dia.

Somando mais de 132 mil unidades (132.117) até novembro em suas duas versões, 110 e 125 cilindras, a Honda Biz é a terceira moto mais vendida da Honda no país. A primeira da lista a fugir um pouco do tradicional conceito de moto onde há embreagem para troca de marchas, o modelo ganha os clientes por simplificar o processo de pilotagem para os menos experientes.

Na quarta colocação temos um modelo que visa o baixo custo, seja na manutenção, no preço ou em seu consumo, a Honda Pop 110, que tem cerca de 90% das suas vendas centralizadas nas regiões norte e nordeste do país.

Com 82.429 unidades vendidas, a “Pop 100”, como é conhecida, mas que na verdade já tem motorização de 110 cilindradas, começou como uma mistura de várias partes de outras motos da marca e hoje é um sucesso de vendas com seu estilo único.

E a quinta colocada entre as motos mais vendidas da Honda em 2020 temos a CB Twister 250, um modelo que está gerando certa expectativa nesses últimos dias de 2020 com a possível chegada de um novo modelo.

Com quase 26 mil motos vendidas (25.852) a CB Twister 250 é a porta de entrada para os modelos um pouco mais rebuscados da marca, mesmo sendo um moto que poderia receber algumas atualizações almejadas por seus proprietários e fãs.

Lista motos mais vendidas da Honda em 2020

Então a lista com as 5 motos mais vendidas da Honda em 2020 são:

      1. CG 160 (260.368 un.)
      2. Bros 160 (95.229 un.)
      3. Honda Biz (132.117 un.)
      4. Pop 110 (82.429 un.)
      5. CB Twister 250 (25.852 un.)

Aguarde as próximas matérias dessa série de final de ano com as motos mais vendidas do Brasil em 2020 separados por marcas.

Advertisement



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *