Nova Honda CB Twister 2016 ABS é lançada no Brasil

Estamos voltando no tempo? A Honda acaba de lançar a nova CB Twister 2016 com o típico motor de 250cc que a consagrou anos atrás! Mas espere, não tire conclusões precipitadas sobre ela, pois o motor da novidade é considerado totalmente inédito pela fabricante, que garante bom desempenho e economia.
A Honda afirma que só resgataram o nome Twister, mas que a nova versão é um projeto inovador e que está sendo lançado para fortalecer a presença da Honda no segmento de motos com médias cilindradas, onde ela já é líder a um bom tempo.

Nova Honda CB Twister 2016 250

Estamos voltando no tempo? A Honda acaba de lançar a nova CB Twister 2016 com o típico motor de 250cc que a consagrou anos atrás! Mas espere, não tire conclusões precipitadas sobre ela, pois o motor da novidade é considerado totalmente inédito pela fabricante, que garante bom desempenho e economia.

Advertisement

A Honda afirma que só resgataram o nome Twister, mas que a nova versão é um projeto inovador e que está sendo lançado para fortalecer a presença da Honda no segmento de motos com médias cilindradas, onde ela já é líder a um bom tempo.

Nova Honda CB Twister 2016 250

Honda CB Twister 2016 traz motor de 250cc inédito

Desenvolvida entre a equipe de engenheiros Honda do Brasil e do Japão a nova CB Twister 250 teve sua concepção mecânica voltada para produzir uma motocicleta que entregasse eficiência e praticidade. O seu motor é um projeto inédito e, segundo a fabricante, traz destaque para sua robustez, desempenho e grande economia.

 

LEIA: Conhece a nova Honda CB 190R lançada agora em 2016 na Argentina?

 

A nova CB Twister vem equipada com um motor de 249,5cc, monocilíndrico OHC (Over Head Camshaft), com 4 válvulas, 4 tempos, injeção eletrônica PGM-Fi, refrigeração a ar e bicombustível. O projeto inédito desse motor faz com que a novidade tenha potência máxima de 22,4cv a 7.500RPM e torque máximo de 2,28kgf.m a 6.000RPM.

 

Acima vídeo oficial da Honda CB Twister 2016

 

Se compararmos a nova Twister 2016 com sua principal concorrente, a Yamaha Fazer 250 2016 (leia mais) podemos observar vantagem da moto da Honda em quase 2cv a mais (Twister 2016: 22,4cv – Fazer 250: 20,9cv). No torque a Twister também leva pequena vantagem, ficando em 0,18kgf.m a mais.

Nova Honda CB Twister 2016 250

Design renovado e moderno para nova Twister 2016

Esqueça aquela antiga Twister, pois o novo modelo parece estar mudado em tudo. Seu design passou por uma reformulação total. As semi-carenagens adotadas na novidade buscam inspiração nos modelos esportivos da marca, trazendo certa harmonia desde sua dianteira até a rabeta. Carenagens e design que se assemelham a CB 300F (leia mais), que todo mundo achou que chegaria aqui no Brasil.

Motorede indica: O pneu da sua moto está careca? Dê uma olhada nessas promoções e garanta sua segurança!

Seu painel passa a ser muito mais moderno e, por ficar totalmente negro quando desligado, agora assume um estilo autointitulado de “Blackout”. Ele é totalmente digital e traz indicador de velocidade, tacômetro, hodômetro, marcador de nível do combustível, relógios e demais luzes indicadoras. Confere abaixo:

Nova Honda CB Twister 2016 250

Painel totalmente digital estilo Blackout

O seu conjunto óptico deixou de ter aquele famoso farol redondo e agora possui estilo sofisticado e moderno, típico dos demais modelos da Honda de baixa e média cilindradas que já se encontram em nosso mercado.

Seu tanque agora vem com bocal de abastecimento rápido e seu desenho é do estilo esportivo. Ele é capaz de carregar até 16,5 litros, o que segundo a fabricante significa grande autonomia. Ainda não temos informações sobre o consumo do modelo.

Possuindo guidão mais elevado e mais largo, com um assento exclusivo praticamente de dois níveis, a nova CB Twister 2016 vem com a premissa de fornecer extremo conforto ao piloto e garupa. A fabricante informa que isso também oferece maior controle na hora da condução pelos menos experientes, pois prioriza o posicionamento adequado do piloto.

Nova Honda CB Twister 2016 250

Nova CB Twister 2016 traz freio ABS

A novidade da Honda vem equipada com suspensão dianteira por garfo telescópico com curso de 130mm, enquanto que a traseira é do tipo mono-amortecida mas que traz um inédito amortecedor de mola dupla com 35/108mm de curso. Seus freios, agora também disponível com ABS, são a disco tanto na dianteira quanto na traseira, ficando com disco de 276mm na frente e 220mm atrás.

Seu chassi é do tipo diamante, em aço, e foi fabricado em tubos com dupla trave para garantir maior resistência. Visando a centralização de massas para pilotagem ágil os engenheiros da Honda focaram em fazer uma estrutura compacta. Seu peso total ficou em 139kg na versão ABS e 137kg na sem ABS.

Falando em peso a Twister 2016 desbanca novamente a Fazer 250. Estamos falando da relação Peso x Potência, ficando em 6,1kg por CV para a Twister contra os 7,3kg que cada CV da Fazer tem que empurrar.

Nova Honda CB Twister 2016 250

Preço e fotos da Honda CB Twister 2016

Ainda falando um pouco do design da novidade podemos observar que a sua parte traseira ficou muito mais leve e sofisticada. Sua rabeta está mais curta e traz apelo para motos esportivas de maior cilindrada quando observamos até mesmo seu suporte de palca.

A nova CB Twister 2016 estará disponível ainda esse mês nas concessionárias Honda de todo o país nas cores Preto Sólido e Vermelha com Branca Perolizada na versão Standard e na cor Vermelha Perolizada na versão com ABS.  Seu preço sugerido é de R$13.050,00 (Standard) e R$14.550,00 (ABS). Vale lembrar que esses valores são se despesas de frete e seguro.

Nova Honda CB Twister 2016 250Nova Honda CB Twister 2016 250Nova Honda CB Twister 2016 250

Advertisement



18 comentários em “Nova Honda CB Twister 2016 ABS é lançada no Brasil

  1. Achei que essa moto era ruim mas até que é boa. Meu tio comprou a versão com abs por 13.600 à vista e até o momento ta sendo um bom investimento.
    Obs: A honda vacilou por não disponibilizar a preta com abs.

  2. Os caras gavam a Fazer, mas vem correndo ver a noticias da Honda.
    Cada um tem de valorizar o que tem, mas tem dó, gosta da Fazer blz, gosta da Twister blz, o foda é cara que nunca andou com nenhuma das duas vir postar o que nem conhece por defeitos que pessoas que não sabem andar de moto fabricam.
    Acham que moto é só por gasolina e andar e depois reclamam que a moto deu defeito.

  3. Pessoal notem que a Honda não comenta o cabeçote da 300 que tem que ser trocado várias vezes em todos os modelo. Dá uma trinca e perde compressão. Um verdadeira falta de transparência e compromisso com os inúmeros clientes da fabricante que deveria fazer um Recall. É decepcionante e eu que sempre comprei Honda, estou procurando outras marcas.

    Att Antonio Rogério Marques

  4. Leandro falando :
    Presta atenção galera abs e padrão viro lei nas montadoras e ainda tão querendo vender moto seca na bananinha palhaçada olha esses preços. Uma 250 renomada nem c compara a 300 e lança isso qm abre o olho galera

  5. Esse fabricante tem total desprezo pelo consumidor brasileiro! Todos aguardavam a CB300F, uma monocilíndrica de 30cv que substituiria perfeitamente a CB300R (26cv), que além dos crônicos problemas de cabeçote, não conseguiria se adequar ao promot-4 que entra em vigor ano que vem… E o que a Dona Honda nos apresenta como substituta? Uma CG bombada com reles 22cv e que não merece o nome “Twister”: é uma AFRONTA àquela excelente moto de 24cv e que andava muito que foi fabricada de 2001 a 2008…
    Muito mais honesto seria lançar essa moto com o nome de “CG250 Urban”, e na faixa dos 11 a 12 mil e a CB300F na faixa de 14 mil; mas eles podem lançar a merda que for que o brasileiro trouxa compra…

    1. Não se trata de lançar a merds que for. É falta de opção. Na minha cidade tem uma concessionária Honda. Yamaha só a 80 km e Dafra e Kawasaki nem sei. Precisamos de moto e rápidez nas revisões e peças.Alguma idéia melhor Fábio? Compra uma Yamaha e viaja 168 km pra fazer revisão e comprar peças? Ou voce é a favor do jegue? Estou cansado de ouvir opinião de quem acha que é mais esperto que a esperteza…

  6. Brasileiro se contenta com qualquer lixo,essa CB 300 nem se compara com a Fazer que é muito superior,agora lançam esse lixo de 250cc que vem com itens que já eram pra ser ascessorios padrao,vem como luxo a ser pago no bolso dos otários que vão comprar,16.000 bala? Voces da Honda devem achar que aqui tem otário né?! 16.000 era pra ser a CB500,agora CG 9.800 e BROS 10.000 e tem burro que ainda paga,só vendem a esse preço porque tem trouxa pra comprar!

    1. Amigão discordo de você. Você precisa andar na nova twister. Possuo uma e garanto que é mais econômica do que a fazer250 e anda igual ou mais do que a cb300, sendo mais macia, mais leve, vibra menos e mais confortável. Ela só perde para fazer no conforto, mas ainda é mais barata do que esta.

  7. Todos sabemos que todo novo projeto vem com erros e vícios ocultos que serão corrigidos nas próximas gerações, eu que não vou correr o risco de comprar um re-lançamento, vou comprar minha Fazer 15/16. E sem falar que com essa nova Twiester, a Honda assinou o FRACASSO que é a CB300!

  8. Fui em uma concessionária aqui em Maceió-AL e o cidadão disse que essa CB Twister de entrada se é 13 mil, vai ser vendida por uns 16 mil, sendo que a CB 300r está no valor de 14 mil 0Km, absurdo esses preços.

  9. A honda não sabe o que quer, era 250, depois 300, agora 250 de novo. Não dá para confiar nessa marca que troca de modelo a todo instante, prefiro a fazer 250 continua a mesma moto confiavel, a cada vez fica melhor, já este modelo é uma interrogação!

  10. Muito dez, ainda acho que a honda demoro e até dimais p lançar a nova twister. Essa moto ficou show de bola agora a única coisa q a honda deveria ter feito nela é ter colocar as bengas com amortecimento invertido como na hornet, ai sim ficaria ainda mais moderna, mais com essas belas tradicionais acabou parando no tempo!!!
    Mais com todo show…

    1. A Honda só está tentando recuperar o mercado que está perdendo com a cb 300, uma moto que é ruim de curva e péssima para revenda. Deveria sim, retirar as bengalas antigas de circulação e montar em série, as suspensões invertidas em motos acima de 250 cc. Assim absorveria muito mais o mercado invadido pelas demais marcas e com preços bem accessíveis. A twister antiga só perde o mercado por não ser injetada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *