Royal Enfield apresenta nova SG650

Royal Enfield apresenta a moto conceito SG650, uma combinação de estilos que pode dar ideia de como será o futuro da marca.

A Royal Enfield apresentou o conceito SG650 no último mês, durante o Salão de Milão, EICMA. A motocicleta, ao melhor estilo custom, marca a comemoração dos 120 anos da fabricante indiana.

Advertisement

Mais do que isso, o modelo é o resultado da Equipe de Design da fabricante de motos em linha de produção mais antiga do mundo, a própria Royal Enfield.

O projeto nasceu como um desafio lançado para o time da fabricante, que encarou a tarefa e deu vida a Royal Enfield SG650.

O desafio da Royal Enfield SG650

A SG650 Concept é o resultado de um desafio lançado por Mark Wells, Chefe de Design, à Equipe de Design Industrial da Royal. Em sua essência, a mensagem da proposta de construção do conceito era a celebração da “transição”.

O objetivo, através deste desafio, era de que a equipe da marca indiana embarcasse em uma nova jornada criativa com a SG650. Tudo isso começando com a sensibilidade de design clássico da Royal Enfield, mas avançando para uma era totalmente nova.

 

Segundo Wells, a Royal é uma empresa em transição – uma representação antiga da era analógica que agora desenvolve novos produtos, totalmente integrados ao presente digital. Para comemorar isso, o time queria desenvolver um projeto que realmente desse a oportunidade de refletir isso de forma criativa.

  • Entre no grupo do Motorede no Telegram, saiba tudo em primeira mão e interaja diretamente: t.me/Motorede

Com isso surgiu o objetivo: construir uma motocicleta de conceito único, em homenagem a história das personalizadas da Royal Enfield, mas que não estivesse sobrecarregada com o passado. Uma interpretação neo-retro de como uma moto da marca poderia ser, mas que ainda mantivesse o DNA da Royal.

Uma nova Royal Enfield

O conceito SG650 chegou com a temática da selva urbana cibernética, saturada de neon em um emaranhado de concreto, metal, luzes brilhantes e ruas sombrias. Onde o analógico e o digital se entrelaçam e se misturam – um local que promoveu um ambiente que reforçou a equipe da marca a pensar de forma diferente, sobre a estética de uma motocicleta Royal Enfield.

Adrian Sellers, gerente de grupo de design industrial e líder do projeto SG650 Concept, disse que foi empolgante projetar o cenário. Foi uma iniciativa que exigiu a contribuição criativa de muitos aspectos diferentes da equipe de design – do Design Industrial ao Color Trim and Graphics e CGI.

O conceito SG650

O conceito-chave de transição é transmitido por toda a motocicleta, desde a escolha dos acabamentos estéticos, até os materiais utilizados. Do front-end de alumínio polido inspirado na herança, fluindo para o gráfico digital futurista no tanque. Mais do que isso. Existem alguns elementos inéditos no conceito Royal Enfield.

Muitas das peças e componentes foram individualmente fabricadas de uma só vez, ou projetadas exclusivamente para a SG650.

O tanque de combustível, por exemplo, foi usinado em CNC, a partir de um bloco sólido de alumínio, assim como os aros das rodas, já com o ABS integrado, pinças de freio projetadas sob medida e discos de freio dianteiros duplos.

A moto tem ainda, garfo invertido e amortecedores traseiros duplos, montados no chassi clássico. Já o assento flutuante de couro costurado é uma referência ao passado. Graficamente, o motor 650 Twin motor e o sistema de escapamento complementam o projeto de futuro imaginado.

Como resultado, a Royal Enfield SG650 nasce com o motor que equipa as Interceptor e Continental GT 650. No visual tem uma semelhança com a Meteor 350, mas em uma interpretação de porte grande. Se as expectativas da Equipe responsável se confirmarem, não será surpresa vermos a moto disponível no mercado em breve.

Advertisement

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários