Home » Abaixo de 599cc » Saiba tudo que mudou na nova NMax 160 registrada no Brasil

Saiba tudo que mudou na nova NMax 160 registrada no Brasil


12 jun 2019 2 Comentários

Imagens de registro da nova Yamaha NMax 160 são publicadas no Brasil reforçando que o modelo deverá ser apresentado ainda em 2019.

A expectativa é que o scooter, terceiro mais vendido no segmento entre janeiro e maio deste ano com mais de 6.000 unidades, seja apresentado ao público em novembro, durante o Salão Duas Rodas.

As imagens, que já apareceram no mercado asiático, foram publicadas recentemente no INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial) e mostram algumas diferenças visuais entre o modelo que é vendido atualmente por aqui e o do que foi registrado.

Yamaha-NMax-160-registro-01

O que mudou na nova NMax 160?

A nova NMax 160 parece ter sofrido uma reformulação geral em seu design, mesmo que de forma sutil, com algumas alterações que além de estéticas também são ergonômicas, como é o caso da bolha frontal. Na imagem abaixo vemos a versão atual vendida aqui no Brasil.

Yamaha NMax 160 2019 Vermelha

A bolha da nova versão possui um formato diferente, ficando mais angulada e apontada para cima na borda superior. Essa alteração parece empurrar o ar mais para o alto que a versão anterior, melhorando o conforto do piloto.

Yamaha-NMax-160-registro-08-Bolha

Outra mudança nessa região está nos dois enormes “furos” que podemos observar abaixo dos parafusos de fixação da bolha. Acreditamos que esses sejam encaixes para uma bolha/escudo maior, adaptação que até já é meio comum para scooters.

Yamaha-NMax-160-registro-04

Ainda é possível perceber que as mudanças na dianteira na pararam por aí. Um novo conjunto de faróis está equipado nessa versão. As imagens, apesar da marca d’água, são as mesmas registradas no INPI.

Na verdade a mudança nos faróis está na parte interna, onde agora o espelho interno que reflete a luz de LED está mais fino e mais moderno, lembrando outras motos da Yamaha. Abaixo desse espelho estão as novas luzes diurnas (DRL) também de LED.

Finalizando o redesenho da parte frontal estão os novos piscas. Eles ficaram bem menores nessa nova versão e saem da posição que parecia abraçar os garfos dianteiros para ficar posicionados mais abaixo.

Yamaha-NMax-160-registro-05-Painel

Yamaha NMax 160 registrada traz novo painel

Outra grande mudança entre a versão que já é produzida e a nova NMax 160 registrada nas imagens está em seu painel digital.

Diga adeus ao já conhecido painel redondo da NMax vendida por aqui. Como podemos observar no registro, ele dará lugar a um painel de instrumentos retangular.

Ao que tudo indica, esse novo painel se assemelha muito a uma tela de LCD (ou até TFT) com cerca de 4 a 5 polegadas de comprimento que deve trazer todas as informações padrões que já são fornecidas no modelo atual, apenas mudando sua forma de apresenta-las.

Yamaha-NMax-160-registro-09

Ainda nessa região frontal, mas pela parte de dentro do escudo frontal, temos uma possível alteração nos porta-objetos, que se apresentam maiores, novo desenho da carenagem e ajustes no guidão, que se mostram ser apenas no desenho.

Yamaha-NMax-160-registro-10-Lanterna

Já na parte traseira as mudanças também são bem claras. A principal delas está na nova lanterna traseira, muito mais agressiva e moderna, que foi inspirada na sua irmã maior, a X-Max 300.

Yamaha-NMax-160-registro-07-Lanterna

Fechando o pacote está o novo suporte de placa, que por conta da lanterna traseira redesenhada agora precisou de uma luz exclusiva para a placa, e o novo desenho do escapamento, que está levemente diferente da versão atual.

Yamaha-NMax-160-registro-02

Nova NMax 160 2020 deverá ser lançada no Salão Duas Rodas

Sem nenhuma informação de alterações mecânicas, e é possível que acontecem algumas, a nova Yamaha NMax 160 2020 em sua versão redesenhada deverá ser apresentada ao mercado brasileiro durante o Salão Duas Rodas 2019, que acontece entre os dias 19 a 24 de novembro.

Até lá continuaremos aguardando por mais informações sobre o scooter mais vendido da Yamaha no Brasil em 2019.

Atualmente no Brasil o NMax 160 equipa um motor monocilíndrico de 155cc que é capaz de gerar a potência máxima de 15,1 cavalos e tem torque de 1,5 kgf.m. Com câmbio automático, se torna uma ótima opção para o uso diário na cidade.

Yamaha-NMax-160-registro-03



2 Comentários para "Saiba tudo que mudou na nova NMax 160 registrada no Brasil"

  1. Motinha excelente, no entanto precisam mudar o sistema de suspensão, que é muito duro e ferra com as costas do piloto.

  2. Os furos na bolha, são para colocar placas dianteiras, nos países asiáticos, como China e Índia, que são obrigados a isso

Deixe uma resposta